Nota à Imprensa – INPE

Olá leitor!

Segue abaixo a nota oficial postada hoje (02/08) no site do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações (MCTIC), confirmando a exoneração do Sr. Ricardo Galvão da direção do Instituto nacional de Pesquisas Espaciais (INPE).

Duda Falcão

NOTÍCIAS

Nota à Imprensa – INPE

Nota à Imprensa do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações

Por ASCOM
Publicado 02/08/2019 - 16h38
Última modificação 02/08/2019 - 17h02


O Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) informa que o diretor do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), Ricardo Galvão, será desligado do cargo de diretor do Instituto, conforme anunciado por ele em pronunciamento à imprensa na manhã desta sexta-feira (2), em Brasília. A exoneração será publicada no Diário Oficial da União.

O MCTIC agradece a Ricardo Galvão pelo profissionalismo à frente do instituto, pela condução dos projetos que gerenciou e também destaca o seu alto gabarito e currículo exemplar.

O ministro Marcos Pontes afirma que o INPE é um instituto de grande relevância para sociedade brasileira, com imenso prestígio no Brasil e exterior, mantendo seu compromisso com as pesquisas e projetos que desenvolve.

A escolha do novo diretor do INPE se dará de acordo com o mérito necessário ao cargo.


Fonte: Site do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações (MCTIC)

Comentário: Muito bom, como disse mais cedo, decisão acertada do governo, caso contrario iria virar ‘Casa de Mãe Joana’. Exemplo dado, assunto encerrado, vamos para frente.

Comentários

  1. Caro Duda, com os seus comentários o senhor faz um desserviço aos que ainda tentam realizar algo na área de ciência, tecnologia e, especificamente, espaço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Sr. Carvalho!

      Boa noite! Bom esta é a sua opinião caro senhor, respeito, porém não concordo. Continue nos acompanhando.

      Abs

      Duda Falcão
      (Blog Brazilian Space)

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Da Sala de Aula para o Espaço

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial