Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2018

Os Sessenta Anos da Era Espacial e as Atividades Espaciais Brasileiras

Imagem
Olá leitor! Segue abaixo um outro interessante artigo, este escrito pelo conhecidíssimo Eng. José Bezerra Pessoa Filho (IAE/DCTA)  tendo como destaque  os Sessenta Anos da Era Espacial e as Atividades Espaciais Brasileiras , publicado que foi  na edição de  fevereiro  do  “Jornal do SindCT”. Duda Falcão CIÊNCIA E TECNOLOGIA – 2 Os Sessenta Anos da Era Espacial e as Atividades Espaciais Brasileiras O Programa Espacial Brasileiro nasceu em 1961, no contexto da Guerra Fria entre EUA e URSS. Foi a disputa por espaço aqui na Terra que levou ao lançamento do Sputnik em 1957. Desde então, quase oito mil satélites foram lançados. Desses, cerca de 1.800 estão operacionais, 10% dos quais com aplicações militares. Por José Bezerra Pessoa Filho* Jornal do SindCT Edição nº 64 Fevereiro de 2018 Eng. José Bezerra Pessoa Filho Os americanos são detentores de 803 satélites, enquanto chineses e russos possuem, respectivamente, 204 e 142 satélites. EUA, Rússia e C

Reflexões Sobre o Programa Espacial Brasileiro

Imagem
Olá leitor! Segue abaixo um interessante artigo escrito pelo Eng. Amauri Montes (INPE) com reflexões sobre o Programa Espacial Brasileiro (PEB) , publicado que foi na edição de fevereiro do “Jornal do SindCT” ,  Duda Falcão CIÊNCIA E TECNOLOGIA – 1 Reflexões Sobre o Programa Espacial Brasileiro Pode parecer surpreendente, mas muitos não sabem que o INPE possui uma forte área de Engenharia Espacial há mais de três décadas. Faremos aqui uma sucinta abordagem sobre o Programa Espacial Brasileiro, suas origens e expectativas para o futuro. Por Amauri Montes* Jornal do SindCT Edição nº 64 Fevereiro de 2018 Eng. Amauri Montes Até o final dos anos 70, a área de Engenharia do INPE era constituída por departamentos, tais como telecomunicações, computação, mecânica e fotônica. A atuação na área espacial era pequena. Resumia-se a parte de solo com sistemas de recepção, antenas e processamento. As atividades eram concentradas no desenvolvimento de equipam

Medida Fiscal Restritiva Preocupa Ciência e Tecnologia

Olá leitor! Segue abaixo um artigo escrito pelo ex-Secretário Executivo do antigo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e publicado na edição de fevereiro do “Jornal do SindCT” . Duda Falcão CIÊNCIA E TECNOLOGIA – CAPA Medida Fiscal Restritiva Preocupa Ciência e Tecnologia Por Luiz Antônio Rodrigues Elias* Jornal do SindCT Edição nº 64 Fevereiro de 2018 Brasil vivenciou, a partir de 2003, uma inflexão em seu padrão de desenvolvimento, superando importantes restrições ao seu processo de crescimento econômico.Era urgente buscar a redução de nossa vulnerabilidade externa, fragilidade fiscal e recuperar a capacidade de investimentos da economia. O novo padrão de desenvolvimento teve como um dos eixos estruturantes a constituição de um amplo mercado interno de consumo de massas, concebido como um vetor dinâmico da economia. Esta estratégica envolveu a implantação de um conjunto articulado e complementar de políticas públicas, orientadas para

Orçamento da Ciência e Tecnologia Para 2018 Tem Redução de 19%

Imagem
Olá leitor! Segue abaixo um artigo publicado na edição de fevereiro do “Jornal do SindCT” destacando que o Orçamento da Ciência e Tecnologia para 2018 terá redução de 19% . Duda Falcão CIÊNCIA E TECNOLOGIA – CAPA Orçamento da Ciência e Tecnologia Para 2018 Tem Redução de 19% Em processo de desmonte, orçamento para C&T é reduzido ano a ano Jornal do SindCT Edição nº 64 Fevereiro de 2018 Publicada no Diário Oficial da União em 03/01/2018, a Lei Orçamentária Anual para o ano de 2018 – LOA apresenta o orçamento geral para o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações - MCTIC de R$ 12,7 bilhões, valor 19% menor que o da LOA 2017. O orçamento movimentável, destinado a custeio e investimento (ou seja, excluídas as despesas obrigatórias e a reserva de contingência), é de aproximadamente R$ 4,7 bilhões para o próximo ano, 25% a menos do que o aprovado para 2017. O governo federal enviou, em agosto de 2017, o Projeto de Lei Orça

Faça Engenharia Aeroespacial na UNIAMÉRICA de Foz de Iguaçu

Imagem
Olá leitor! Você jovem que gosta de Astronomia , Astronáutica e Robótica e pretende investir ainda esse ano em graduação nessas áreas, ainda dá tempo, a Faculdade União das Américas (UNIAMÉRICA) de Foz do Iguaçu-PR , oferece para você o Curso de Engenharia Aeroespacial . Saiba mais pelo vídeo abaixo. Duda Falcão

Escola de Verão do INPE Oferece Minicursos em Áreas da Computação e Matemática Aplicada

Imagem
Caro leitor! Segue abaixo uma nota postada dia ( 22/02 ) no site oficial do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) destacando que a Escola de Verão do instituto está oferecendo  Minicursos em Áreas da Computação e Matemática Aplicada . Duda Falcão NOTÍCIA Escola de Verão Oferece Minicursos em Áreas da Computação e Matemática Aplicada Por INPE Publicado: Fev 22, 2018 São José dos Campos-SP, 22 de fevereiro de 2018 De 27 de fevereiro a 2 de março, acontece a ELAC 2018 - Escola de Verão do Laboratório Associado de Computação e Matemática Aplicada do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). Serão ministrados oito minicursos em áreas como análise computacional de eventos extremos, neurocomputação, ciência de dados,  wavelets , problemas inversos, desenvolvimento de software ágil, processamento de alto desempenho e modelagem de novos motores em propulsão aeroespacial. É possível se inscrever em até quatro minicursos. Os participa

EMBRAPA Participa na Elaboração do Programa Espacial Brasileiro

Imagem
Olá leitor! Segue abaixo uma curiosa notícia postada dia ( 15/02 ) no portal “MundoGEO” informando que o Programa Espacial Brasileiro (PEB) sendo elaborado de forma participativa por instituições públicas e privadas e entre elas a EMBRAPA . Duda Falcão Notícias EMBRAPA Participa na Elaboração do Programa Espacial Brasileiro Programa está sendo elaborado de forma participativa por  instituições públicas e privadas  demandantes de produtos e serviços do setor espacial Por MundoGEO - 16h06, 15 de Fevereiro de 2018 Três membros da Embrapa Territorial (Campinas, SP) vão representar a Embrapa na elaboração do Programa Espacial Brasileiro, sob coordenação da Agência Espacial Brasileira (AEB). Os analistas Paulo Roberto Rodrigues Martinho e Osvaldo Tadotomo Oshiro e a pesquisadora Janice Freitas Leivas deverão responder a seis questionários relacionados a atividades espaciais compreendidas em grandes grupos de abrangência: observação da terra; colet

Efeitos da Radiação em Tripulações e Sistemas Embarcados São Objeto de Estudo do IEAV

Imagem
Olá leitor! Segue uma nota postada ontem ( 22/02 ) no site do Instituto de Estudos Avançados (IEAv) destacando que Efeitos da Radiação em Tripulações e Sistemas Embarcados são objeto de estudo neste instituto. Duda Falcão Efeitos da Radiação em Tripulações e Sistemas Embarcados São Objeto de Estudo do IEAV IEAv – Instituto de Estudos Avançados 22/02/2018 Brasil, no contexto da Dimensão 22, não pode prescindir do uso do espaço para benefício de sua sociedade e aprimoramento de seus sistemas de defesa. Incluir o País num cenário global onde poucos detêm a capacidade gerencial, operacional, tecnológica e industrial para fazer uso do espaço requer esforço coordenado entre diversos segmentos da sociedade, a fim de conquistar a independência do Setor Aeroespacial brasileiro. É com esse foco, principalmente na área tecnológica que o Instituto de Estudos Avançados – IEAv – desenvolve pesquisas nos efeitos que a radiação cósmica provoca sobre os organismos das tripul

Instituto de Estudos Avançados (IEAV) Dá Um Grande Passo na Conquista do Vôo Hipersônico

Imagem
Olá leitor! Segue uma nota postada ( 19/02 ) no site do Instituto de Estudos Avançados (IEAv) destacando que o instituto dá finalmente um dá um grande passo na conquista do Vôo Hipersônico . Duda Falcão Instituto de Estudos Avançados (IEAV) Dá Um Grande Passo na Conquista do Vôo Hipersônico IEAv – Instituto de Estudos Avançados 19/02/2018 A Concepção Estratégica “Força Aérea 100” tem por finalidade precípua estabelecer a visão para a Força Aérea Brasileira (FAB), ao completar “100 anos” de sua criação. Assim, tem por finalidade orientar a construção da capacidade militar desejada, buscando compor o esforço principal da Defesa Nacional, bem como balizar o Planejamento Estratégico da Força, cujo cumprimento resulta em configurações de forças militares aptas para a consecução da missão constitucional. Conceitos desafiadores representam a intrínseca visão inovadora dos profissionais do ar e espaço. É nesse contexto que surgiu o Projeto 14-X, atualment

Brasil Tenta Parceria Com SpaceX e Boeing Para Lançar Foguetes no Maranhão

Imagem
Olá leitor! Segue abaixo uma notícia postada hoje ( 22/02 ) no site “UOL Notícias” destacando que o Brasil o está tentando parceria com SpaceX e Boeing para lançar foguetes no Maranhão . Duda Falcão UOL NOTÍCIAS – Economia Brasil Tenta Parceria Com SpaceX e Boeing Para Lançar Foguetes no Maranhão Por Aiuri Rebello Do UOL, em São Paulo 22/02/2018 - 04h00 Foto: Lucas Lacaz Ruiz - 12.jul.2012/Agência O Globo Torre móvel de lançamento com foguete no CLA, no Maranhão. Após o fracasso da parceria firmada com a Ucrânia 15 anos atrás, o governo federal negocia com as empresas norte-americanas SpaceX e Boeing, entre outras, o uso do CLA (Centro de Lançamento de Alcântara), no Maranhão, para lançamento de foguetes em missões espaciais até 2021. De acordo com o Ministério da Defesa, a base de lançamento tem o potencial de gerar 1,5 bilhão de dólares por ano ao país. A SpaceX é hoje a principal companhia privada dedicada à exploração espacial e, no di