Postagens

MILITARIZAÇÃO E ARMAMENTIZAÇÃO DO ESPAÇO: Esse é o tema da Live de 29/07/2021 (20:00h) do Brazilian Space.

Imagem
Olá, leitora! Olá, leitor! O Brazilian Space vai realizar na próxima quinta-feira (29/07/2021), às 20:00h, uma live com o tema "MILITARIZAÇÃO E ARMAMENTIZAÇÃO DO ESPAÇO". Essa live contará com a participação da  profa. Dra. Maria Helena Rolim e do  Brigadeiro R/1 José Vagner Vital. Para uma maior compreensão do tema, desde os primórdios da exploração espacial, o uso do espaço próximo da Terra, a órbita terrestre, foi visto como estratégico para as nações mais desenvolvidas tecnologicamente, principalmente, em termos militares. Apesar da militarização do espaço ser um fenômeno intrínseco à sua origem, para que o domínio tecnológico militar dessa nova dimensão fosse realizado de forma segura e operacionalmente sustentável, houve a necessidade da realização de muita pesquisa científica e tecnológica, que, dentro de um contexto da Guerra Fria (1950 a 1990), foram mimetizadas com propósitos científicos e civis, para não escalar a ameaça de ampliação de infraestruturas e tecnologia

Nota de Pesar do Brazilian Space pelo Falecimento do Ex-Ministro Marco Antonio Raupp

Imagem
Olá, Leitora! Olá, Leito! O Brazilian Space e o seu corpo editorial registram a presente nota de pesar pelo falecimento, aos 83 anos, do Ex-Ministro Marco Antonio Raupp, ocorrido no último sábado, dia 24 de julho de 2021. Imagem do  Ex-Ministro Marco Antonio Raupp (1938 - 2021). Creditos: Veja . Natural de Cachoeira do Sul - RS, físico e matemático de formação o Dr. Raupp foi um dos grandes nomes nacionais na defesa e incentivo das ciências no Brasil e, principalmente, um dos nomes mais influentes do Programa Espacial Brasileiro (PEB), nas últimas 3 décadas. Dentre os principais cargos que ocupou, tem-se o de Diretor do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), o de Presidente da Agência Espacial Brasileira (AEB) e de Ministro da Ciência e Tecnologia (MCT). Como Diretor do INPE (de  1985 a 1989 ) foi o responsável pela condução da parte satelital da Missão Espacial Completa Brasileira (MECB), na qual o INPE teve grande avanço, principalmente com o desenvolvimento do Satélite de

O MERCADO DO TURISMO ESPACIAL SE AFIRMA COM O VOO DA NEW SHEPPARD!

Imagem
Olá, Leitora! Olá, Leitor! O mercado do turismo espacial se afirma com o voo de hoje da nave New Sheppard da empresa Blue Origin, do bilionário Jeff Bezos. Assim como aconteceu com o voo da nave da Virgin Galactic na semana, o voo bem sucedido de hoje confirma as capacidades do sistema da Blue Origin e estabelece faticamente o mercado de turismo para voos suborbitais, assim como havíamos descrito na nossa matéria anterior " A ERA DO TURISMO ESPACIAL CHEGOU PARA FICAR! ". Imagem do New Sheppard na fase de ascensão (adaptada). Créditos: Blue Origin. No lançamento de hoje, iniciado por volta das 10:00h (horário de Brasília). a nave New Sheppard levou 4 tripulantes para um voo de aproximadamente 10 minutos de duração, no qual a cápsula com a tripulação alcançou 351.210 pés (~107,04 km) de apogeu, após 4 min e 10 s.  Imagem do New Sheppard próximo do apogeu (adaptada). Créditos: Blue Origin. Na fase de retorno, tanto o booter quanto a cápsula pousaram suavemente no solo, assim com

Live sobre Propulsão e Energia Nuclear na Exploração Espacial traz informações e uma visão de futuro sobre o tema

Imagem
Olá, leitora! Olá, leitor! O Brazilian Space realizou ontem à noite (21:30h) a live especial para tratar do tema "PROPULSÃO E ENERGIA NUCLEAR NA EXPLORAÇÃO ESPACIAL", com a participação do Junior Miranda do canal " Homem do Espaço " e do blog de mesmo nome. Em uma verdadeira aula sobre o histórico da utilização da energia nuclear em satélites, sondas e veículos espaciais o nosso convidado apresentou detalhadamente os principais projetos americanos e russo/soviéticos nesse tema e as suas aplicações. Além disso, foram também abordados tópicos relativos ao uso de motores nucleares para as missões tripuladas, os quais devem reduzir significativamente o tempo de viagem dessas missões entre a Terra e outros planetas / luas do nosso sistema solar. Destacou-se ainda que essa redução de tempo é crucial para a diminuição do tempo de confinamento das tripulações durante o voo e dos efeitos físicos e psicológicos inerentes a essa condição. Um outro ponto abordado foi a utiliza