Projeto de Mapas da Terra do INPE é Contemplado no Exterior


Caro leitor!

Segue abaixo uma notícia postada hoje (12/06) no site oficial do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) destacando que Projeto de mapas da Terra do INPE é contemplado no exterior.

Duda Falcão

NOTÍCIA

Projeto de Mapas da Terra do INPE é Contemplado no Exterior

Por INPE
Publicado: Jun 12, 2019

São José dos Campos-SP, 12 de junho de 2019

O projeto "Brazilian Earth Observation Data Cube using AWS for Land Use and Cover Change" foi selecionado pela Amazon Web Services(AWS) e pelo Group on Earth Observations (GEO), organização internacional que atua compartilhamento de dados de satélites e outras tecnologias de observação da Terra. Proposta pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), a iniciativa foi contemplada com US$ 60,000 por meio do GEO-AWS Earth Observation Cloud Credits Programme.

Os vencedores da seleção do programa foram anunciados nesta segunda-feira (10/06) em Washington, Estados Unidos, durante o AWS Public Sector Summit.

O objetivo do INPE é utilizar os serviços em nuvem computacional da AWS no armazenamento e processamento de grandes volumes de imagens de satélites para a geração automática de mapas de uso e cobertura da Terra, além de facilitar o acesso e a disseminação desses dados.

A equipe do projeto é formada pelos pesquisadores Karine Ferreira, Lubia Vinhas, Gilberto Queiroz, Ricardo Cartaxo de Souza, Ieda Sanches, Cláudio Almeida e Leila Fonseca, da Coordenação de Observação do INPE. Também está prevista a participação de alunos de pós-graduação e bolsistas.

"Isto permitirá aumentar nossa capacidade de trabalhar com a tecnologia de computação em nuvem, em um tema de grande importância para a nossa área e para o INPE", diz Karine Ferreira, líder da proposta.



Fonte: Site do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial