Via Láctea Estaria em Rota de Colisão com Andrômeda, Dizem Astrônomos

Olá leitor!

Segue abaixo uma notícia publicada ontem (15/06) no site do Sputnik News Brasil destacando que segundo Astrônomos a Via Láctea estaria em rota de colisão com a Galáxia de Andrômeda.

Duda Falcão

CIÊNCIA E TECNOLOGIA

Via Láctea Estaria em Rota de Colisão com Andrômeda, Dizem Astrônomos

Sputnik News Brasil
15/06/2019 - 12:10
Atualizado 15/06/2019 - 12:13

CC BY 4.0 / NASA, ESA / Grande Nuvem de Magalhães

Astrônomos preveem que nossa galáxia Via Láctea esteja em rota de colisão com Andrômeda e que temos apenas alguns bilhões de anos para nos prepararmos para o impacto.

No entanto, a Via Láctea pode ter um histórico de destruição de outras galáxias, já que uma nova análise sugere que a nossa galáxia possa ter colidido com uma galáxia anã recentemente descoberta, chamada Antlia 2.

Os especialistas descobriram a Antlia 2 na órbita da Via Láctea em 2018, sendo ela um objeto incomum devido à sua baixa densidade. Embora tenha aproximadamente as mesmas dimensões que a Grande Nuvem de Magalhães, ela é aproximadamente 10.000 vezes mais difusa.

Segundo a equipe do Instituto de Tecnologia de Rochester, o atual estado de Antlia 2 e as desconcertantes ondas no disco de gás de hidrogênio da Via Láctea poderiam decorrer de uma colisão entre as duas galáxias, como indica o portal Extreme Tech.

De acordo com os dados fornecidos pelo satélite Gaia da Agência Espacial Europeia, Sukanya Chakrabarti e sua equipe afirmam que a Antlia 2 colidiu com a Via Láctea há várias centenas de milhões de anos.

As galáxias são espaços sobretudo vazios, assim, quando "colidem" é improvável que duas estrelas se encontrem. Ao invés disso, a interação gravitacional pode lançar estrelas para o espaço profundo ou fazer com que elas migrem para outra galáxia. Além disso, nuvens de poeira e gás também podem se fundir, provocando um aumento na formação de estrelas.

Apesar de a Via Láctea ser praticamente a mesma que era antes de colidir com a Antlia 2, a galáxia menor foi completamente destruída pela gravidade de sua grande vizinha.

Através do estudo da Antlia 2 e sua órbita, os cientistas esperam descobrir pistas sobre a natureza da matéria escura.


Fonte: Site Sputniknews Brasil - http://br.sputniknews.com/

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial