Site Norueguês Publica Matéria Sobre a Oper. SHEFEX II

Olá leitor!

O site norueguês “NrK” publicou dia 10/01 uma matéria intitulada: “Herer norgeshistoriens største rakett” abordando a "Operação SHEFEX II" que deverá ser lançada do Andoya Rocket Range, na Noruega, provavelmente no mês de abril.

A matéria que infelizmente para nós foi publicada em norueguês, traz fotos do experimento alemão SHEFEX II sendo montado e também fotos do foguete de sondagem brasileiro VS-40 desmontado ao lado do experimento SHEFEX II e montado sobre a plataforma de lançamento. Abaixo segue essas fotos:

Fotos: dlr.de
Experimento SHEFEX II sendo montado

VS-40/SHEFEX II montado sobre a Plataforma de Lançamento

VS-40/SHEFEX II desmontados

Vale lembrar leitor que essa missão alemã tem grande significado para o Brasil não só porque levará a bordo um experimento brasileiro relacionado com o “Projeto SARA Orbital”, mas também por que o seu sucesso poderá abrir portas para a negociação desse versátil foguete VS-40 brasileiro em solo europeu.

O VS-40 é um foguete de sondagem biestágio à propulsão sólida não-controlado, estabilizado aerodinamicamente, com propelentes (mistura de materiais combustíveis e oxidantes) distribuídos entre o primeiro estágio (4.200 kg) e o segundo estágio (810 kg).

O primeiro estágio é composto pelo propulsor S40, uma saia traseira com empenas e uma saia dianteira, e o segundo estágio é composto por um propulsor S44, tendo em sua parte dianteira uma baia de instrumentação e, em seguida, uma coifa para abrigar uma carga útil tecnológica ou científica que no caso dessa operação do SHEFEX II não será necessária.

Desenvolvido pelo Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE), o foguete VS-40 foi concebido, inicialmente, para realizar testes do quarto estágio do VLS-1 (Veículo Lançador de Satélites) em ambiente de vácuo, além de outros experimentos de interesse do projeto do Veículo Lançador.

Até o momento foram realizadas somente duas missões com esse versátil foguete, ambas no Brasil. As missões foram as seguintes:

Operação Santa Maria - VS-40 PT01

* Data do vôo: 02 de abril de 1993 – CLA
* Missão: Qualificação S44
* Tempo de microgravidade: 760 s

No primeiro vôo do VS-40 foi possível qualificar o quarto estágio do VLS-1, do tipo S-44, em ambiente de vácuo, e atestar a capacidade do foguete ao transportar grande quantidade de carga útil, em uma performance considerável: o vôo atingiu um apogeu de 950 Km, para uma carga útil de 500kg e um tempo de microgravidade de 760s.

Operação Livramento - VS-40 PT02

* Data do vôo: 21 de março de 1998 – CLA
* Carga útil: Lastro de 236 kg e VAP-1 (Fokker)

No segundo vôo do foguete de sondagem (VS-40 PT02), em 21 de março de 1998, foi transportada uma carga útil de 483 quilos, da empresa holandesa Fokker Space. Na Operação denominada Livramento, dados sobre o comportamento do VS-40, como empuxo, pressão, aceleração e vibração também foram monitorados.

Vale lembrar que a "Operação SHEFEX II" será o terceiro vôo desse que consideramos um foguete extremamente versátil e que infelizmente por falta de atitude do governo não foi até o momento aproveitado como deveria em prol da Comunidade Científica Brasileira ou mesmo mundial. Vale também citar que após esse vôo do SHEFEX II só existe a missão do “SARA Suborbital I” prevista para ocorrer ainda esse ano

Uma pena, pois o VS-40 certamente poderia estar sendo utilizado pelo “Programa Microgravidade” da AEB, ou mesmo em parceria com outros países europeus ou latino-americanos em pesquisas científicas e tecnológicas conjuntas se o governo brasileiro realmente tivesse o PEB como um programa estratégico para a nação, coisa que não acontece, apesar de curiosamente sempre está sendo usado como peça de propagada política, evidentemente de forma enganosa. Lamentável.

Duda Falcão


Fonte: Com informações do site norueguês "NrK" - http://www.nrk.no/

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Da Sala de Aula para o Espaço

O CLA e Sua Agenda de Lançamentos Até 2022