Satélite CBERS-4 - MCTI Enviará Novo Servidor do INPE à China

Olá leitor!

Diário Oficial da União (DOU) de hoje (14/08) publicou um despacho do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), autorizando um novo servidor do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) a viajar para China afim de participarem de ações técnicas relacionadas com o Satélite CBERS-4. Abaixo segue o despacho como publicado no DOU.

Duda Falcão

Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação

GABINETE DO MINISTRO

DESPACHO DO MINISTRO
Em 13 de agosto de 2014

Afastamentos do país autorizados na forma do Decreto nº 1.387, de 07 de fevereiro de 1995:

INALDO SOARES DE ALBUQUERQUE, Tecnologista Sênior II do INPE, participar, na qualidade de responsável pela garantia do produto do satélite CBERS-4, das atividades de testes elétricos pré-ensaios térmicos do satélite, dos ensaios térmicos (TBT e TVT), teste de simulação em órbita com duração de 100 horas e da revisão final de projeto (FDR) nas instalações da Academia Chinesa de Tecnologia Espacial (CAST), em Beijing/China, no período de 16.08 a 30.09.2014, com ônus para o INPE. Art. 1º, inciso V.


Fonte: Diário Oficial da União (DOU) - Seção 2 - pág. 07 - 14/08/2014

Comentário: Pois é leitor, você tem tido a oportunidade de notar com todos esses despachos publicados no BLOG nos últimos meses, que o INPE tem se esforçado muito para cumprir a meta de deixar pronto o Satélite CBERS-4 para ser lançado em dezembro desse ano, promessa esta feita pelo desastroso governo DILMA ROUSSEFF através de sua Agência Espacial de Brinquedo (AEB). Entretanto o BLOG até o momento foi o único meio de divulgação do PEB a se arriscar em dizer que essa meta não passa de uma jogada política desse governo de m... e que esse satélite só deverá ser lançado em 2015. E olhe lá, pois dependerá muito do novo governo. Entretanto leitor, sinceramente estamos na torcida para estamos errados e o Sr. José Raimundo Braga Coelho (presidente da AEB) tem esta oportunidade para mostrar a todos de que é um homem que tem palavra, pois quem se arrisca como ele quando não estabelece responsabilidades publicamente quando entrevistado pela mídia, ou tem uma carta forte na manga, ou compartilha politicamente e intelectualmente de toda esse bandalheira, ou é um completo banana.  Fique atento leitor, pois em breve trarei aqui uma antiga entrevista em vídeo com um ex-profissional do PEB (que merece todo nosso respeito) demonstrando como se deve dar uma entrevista estabelecendo responsabilidades, mesmo ele sendo servidor público e neste caso militar. O leitor pode então perguntar: Duda se o CBERS-4 não será lançado em 2014, quais então serão as realizações do Brasil no espaço ainda esse ano? Bom leitor eu diria que além das previstas atividades com foguetes brasileiros na Europa, o já lançado Cubesat NanosatC-Br1, a esperada “Operação Raposa” e os possíveis lançamentos (digo possíveis pois a AEB não merece qualquer credibilidade) do Tubesat Tancredo-1, do Cubesat AESP-14 e do misterioso nanosatélite do Projeto SERPENS da própria agência, serão talvez as únicas realizações do Brasil no espaço neste ano. São essas operações condizentes com um Programa que completou este ano 53 anos de atividades? Com a palavra o Sr. José Raimundo Braga Coelho.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial