MCTI/INPE Assina Novos Contratos de Satélites

Olá leitor!

O Diário Oficial da União (DOU) de hoje (19/12) publicou dois "Extratos de Contrato" assinados pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI/INPE) relacionados com projetos de diversos satélites.  Segue abaixo os extratos como publicados no DOU.

Duda Falcão

INSTITUTO NACIONAL
DE PESQUISAS ESPACIAIS
EXTRATO DE CONTRATO Nº 830/2011 - UASG 240106

Processo: Nº 01340001327201171;
Dispensa: Nº 869/2011;
Contratante: MINISTERIO DA CIENCIA, TECNOLOGIA E INOVACAO;
CNPJ Contratado: 51619104000110;
Contratado: FUNDAÇÃO DE CIENCIA APLICACOES E TECNOLOGIA ESPACIAIS;
Objeto: Prestação de serviços técnicos especializados de apoio ao desenvolvimento dos Programas Espaciais do INPE-CBERS 3, CBERS 4, Amazonia 1, Amazonia 1B, conforme as especificações e condições estabelecidas no Instrumento e em seus Anexos. (R.D. 01.06.083.0/2011);
Fundamento Legal: Inciso XIII,Art.24 da Lei nº 8.666/93, no 1º Art. da Lei nº 8.958/94 e no disposto no Decreto nº 7.423/2010;
Vigência: 19/12/2011 a 19/12/2015;
Valor Total: R$32.746.653,32;
Fonte: 100000000-2011NE802301 Fonte: 100000000-2011NE802342;
Data de Assinatura: 16/12/2011.

(SICON-16/12/2011) 240106-00001-2011NE800001

EXTRATO DE CONTRATO Nº 870/2011 - UASG 240106

Processo: Nº 01340001160201149;
Concorrêcia Internacional: Nº 743/2011;
Contratante: MINISTERIO DA CIENCIA, TECNOLOGIA E INOVACAO;
CPF Contratado: ESTRANGEIRO;
Contratado: ISL-INNOVATE SPACE LOGISTICS;
Objeto: Aquisição de Sistemas e Subsistemas de CUBESATs, conforme especificações técnicas constantes dos Anexos deste Instrumento. (R.D. Nº 01.14.087.0/2011);
Fundamento Legal: Lei Nº 8.666/93;
Vigência: 19/12/2011 a 23/11/2012;
Valor Total: R$660.176,00;
Fonte: 100000000-2011NE802307;
Data de Assinatura: 16/12/2011.

(SICON-16/12/2011) 240106-00001-2011NE800001


Fonte: Diário Oficial da União (DOU) - Seção 03 - pág. 22 - 19/12/2011

Comentário: O segundo extrato leitor deve ser relacionado com o projeto do "1º Cubesat Brasileiro", ou seja, o NANOSATC-BR, que está sendo desenvolvido pela Universidade Federal da Santa Maria (UFSM) em parceria com o INPE. Esse cubesat tem previsão de lançamento no segundo semestre de 2012 através de um foguete lançador indiano ou através de um foguete Soyuz. Será que esse cronograma será seguido? Hummm, sei não.

Comentários

  1. Quanto?????? ""Valor Total: R$660.176,00"" Por um CUBESAT???? Olha cara compra umo argentino, bem melhor, tecnologia 100% comprovada e ainda mais barato. http://www.satellogic.com/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial