Mais Sobe a Licença de Construção da Base do Cyclone-4


Olá leitor!

Segue abaixo mais uma notícia postada hoje (14/04) no “Portal EXAME” sobre a liberação da autorização pelo IBAMA para a construção do sítio de lançamento do foguete Cyclone-4 da ACS.

Duda Falcão

IBAMA Autoriza Construção de Base para Foguete no MA

A previsão é de que o primeiro foguete para serviços de
envio de satélite seja enviado no próximo ano, de acordo
com a Empresa Binacional Alcântara Cyclone Space

Agência Estado
14/04/2010 14:10


São Paulo - O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) autorizou na semana passada uma licença prévia para a construção do Centro de Lançamento para o foguete Cyclone-4, em Alcântara, localizado no Maranhão. A medida foi publicada na edição de ontem do Diário Oficial da União e permite que a Empresa Binacional Alcântara Cyclone Space (ACS) comece a escolha da companhia que fará a obra, segundo informações da ACS.

A licença prévia, esperada há cerca de seis meses, dá continuidade ao acordo entre o Brasil e a Ucrânia. Após o início das obras, a ACS vai necessitar de outras licenças, entre elas, a permanente de instalação - que requer uma avaliação sobre os impactos socioambientais da instalação da ACS - e, por último, a de funcionamento. A previsão é de que já no ano que vem o primeiro foguete para serviços de envio de satélites ao espaço seja lançado, informou a empresa.

O regime de cooperação entre o Brasil, e a Ucrânia estabelece ainda que os dois países devem integrar o capital da empresa até um total de US$ 105 milhões. Em reunião realizada em Kiev, capital da Ucrânia, em junho de 2008, os países decidiram aumentar o capital da empresa para US$ 375 milhões.


Fonte: Pontal EXAME - 14/04/2010

Comentário: É por essas e outras que o PEB não tem credibilidade junto à sociedade brasileira. Não é possível que não tenha ninguém dentro dessa mal engenhada ACS que faça uma previsão real de quando esse foguete Cyclone-4 estará pronto para realizar seu trabalho. Não se pode irresponsavelmente usar a mídia para fazer previsões sem sentido como essa para 2011. Não existe possibilidade nenhuma desse foguete ser lançado de Alcântara em 2011. Uma previsão otimista caso as obras comecem em maio seria no final do primeiro semestre ou mesmo no segundo semestre de 2012. São pelo menos 18 meses de obra, fora o tempo que será necessário para instalar os equipamentos e testá-los. Além disso, antes de usá-lo comercialmente, haverá a necessidade de se realizar pelo menos um vôo de qualificação do foguete, que segundo estava previsto seria feito com o satélite japonês “JASMINE”. Portanto, se quiserem entrar nesse mercado altamente competitivo de lançamento de satélites, a ACS terá que começar a aprender a fazer previsões mais precisas e cumpri-las.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial