AEB Participa de Missão Técnica na França


Olá leitor!

Segue uma notícia postada hoje (30/04) no site da Agência Espacial Brasileira (AEB) destacando que a agência irá participar entre os dias 3 e 7 de maio, em Toulouse, na França, da Missão Técnica Brasil-França.

Duda Falcão

AEB Participa de Missão Técnica na França

Coordenação de Comunicação Social - CCS/AEB
30-04-2010


A Agência Espacial Brasileira (AEB) participa, entre os dias 3 e 7 de maio, em Toulouse, na França, da missão técnica Brasil-França. O evento, organizado pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) e a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), visa fomentar e profissionalizar a gestão das pequenas e médias empresas (PME´s) ligadas ao setor aeroespacial.

Conforme o diretor de Política Espacial e Investimentos Estratégicos, Himilcon Carvalho, que participa da missão pela AEB, o setor espacial privado brasileiro vai beneficiar-se com esta iniciativa.

“Trata-se de um novo mercado no qual queremos inserir nossas empresas aeroespaciais, que já demonstram competência e maturidade suficientes para se lançar a novos desafios”, diz o diretor.

A previsão é de que 10 pequenas empresas nacionais - fornecedoras do setor aeroespacial - participem da missão, além do MDIC, BNDES, INPI, APEX-Brasil, SEBRAE, IEL, Consórcio HTA, CECOMPI, EMBRAER, entre outras instituições de apoio ao setor.

GPM

O diretor de Satélites, Aplicações e Desenvolvimento da AEB, Thyrso Villela, participa em Toulouse de 1º a 9 de maio, de reunião na Agência Espacial Francesa (CNES) sobre o satélite GPM-Br. O satélite brasileiro fará parte de uma rede internacional de satélites que tem como objetivo medir os índices de precipitação ao redor do mundo, principalmente em áreas continentais. O objetivo deste encontro é avaliar cenários propostos para este projeto, ainda em fase de estudos preliminares, com o apoio da França. O diretor fará também visitas a empresas do setor espacial francês.


Fonte: Site da Agência Espacial Brasileira (AEB)

Comentário: Essa sim é uma visita técnica a um país que realmente tem muito a oferecer tecnologicamente. A França além de ter o terceiro programa espacial mais antigo em atividade no mundo é junto com a Alemanha os carros chefes da Agência Espacial Européia (ESA). O blog espera realmente que deste evento possa sair algo de produtivo em prol do PEB e das indústrias aeroespaciais do país. Quanto ao satélite GPM-Br, o mesmo é mais uma dessas novelas intermináveis que de tempos em tempos aparecem nos bastidores das atividades espaciais do Brasil. Porém, quem sabe se com o apoio da França este projeto possa realmente sair do papel. Só lembrando que o satélite FBM (Microsatélite Franco Brasileiro) já não teve essa sorte.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Da Sala de Aula para o Espaço

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial