AEB Publica Extratos de Inexigibilidade Relativos ao CLA

Olá leitor!

Foi publicado pela Agência Espacial Brasileira (AEB) no Diário Oficial da União (DOU) de hoje (26/11), dois “Extratos de Inexigibilidade de Licitação” referente a contratação de empresas especializadas para fornecimento, instalação e prestação de serviços ao Centro de Lançamento de Alcântara (CLA). Abaixo seguem os extratos como publicados no DOU.

Duda Falcão

AGÊNCIA ESPACIAL BRASILEIRA

EXTRATO DE INEXIGIBILIDADE DE LICITAÇÃO
Nº 23/2012 - UASG 203001

Nº Processo: 01350000218201207;
Objeto: Contratação de empresa especializada para o fornecimento e instalação dos requisitos adicionais de segurança de voo e os serviços, associados, ser implantado no sistema LEADS, existente no Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), alem dos sobressalentes;
Total de Itens Licitados: 00001;
Fundamento Legal: Art. 25º, Inciso I da Lei nº 8.666 de 21/06/1993;
Justificativa: Por exclusividade do fornecedor;
Declaração de Inexigibilidade: em 23/11/2012 - JOSE IRAM MOTA BARBOSA, Diretor de
Planejamento, Orçamento e Administração;
Ratificação: em 23/11/2012 - JOSE RAIMUNDO BRAGA COELHO, Presidente da AEB;
Valor Global: R$ 2.378.576,00;
CNPJ Contratada: 40.190.753/0001-21 - SIMTECH R EPRESENTACOES LTDA - EPP.

(SIDEC - 23/11/2012) 203001-20300-2012NE800009

EXTRATO DE INEXIGIBILIDADE DE LICITAÇÃO
Nº 24/2012 - UASG 203001

Nº Processo: 01350000222201267;
Objeto: Contratação de serviços especializados de engenharia para modernização dos subsistemas se servomecanismo, telemetria e codificação angular dos Radares ADOUR e ATLAS instalados no CLA;
Total de Itens Licitados: 00001;
Fundamento Legal: Art. 25º, Inciso I da Lei nº 8.666 de 21/06/1993;
Justificativa: Por ser empresa exclusiva;
Declaração de Inexigibilidade: em 23/11/2012 - JOSE IRAM MOTA BARBOSA, Diretor de Planejamento, Orçamento e Administração;
Ratificação: em 23/11/2012 - JOSE RAIMUNDO BRAGA COELHO, Presidente da AEB;
Valor Global: R$ 5.688.089,70;
CNPJ Contratada: 01.773.463/0001-59 - OMNISYS E NGENHARIA LTDA.

(SIDEC - 23/11/2012) 203001-20300-2012NE800009


Fonte: Diário Oficial da União (DOU) - Seção 3 - pág. 13 - 26/11/2012

Comentário: Como o leitor pode notar, a AEB continua investindo na infraestrutura do CLA. Entretanto, os recursos para o VLS-1 XVT-02 e para o VLS-1 VO4 (pelo que sei) ainda não estão assegurados para que esse novo e absurdo cronograma de lançamento seja cumprido (2014 e 2015 respectivamente), o que provavelmente inviabilizará esse objetivo, já que para que o mesmo seja cumprido, será necessário que os recursos sejam liberados dentro dos prazos estabelecidos pelo IAE com as empresas envolvidas na construção das partes dos foguetes. É como eu digo, falta comprometimento, seriedade e dinamismo em mais um governo desastroso para o Programa Espacial Brasileiro. Vale lembrar que para a ACS recursos não faltam. Gente vamos assinar e divulgar a petição, precisamos fazer algo para combater as ações desses energúmenos e nos prevenir que algo de ruim venha acontecer com essa história mal contada e absurda chamada Alcântara Cyclone Space.

Comentários

  1. Notem PessoAll, que as duas empresas se beneficiaram de não exigência de licitação, por "exclusividade do fornecedor".

    Ora, a OMNISYS, é uma empresa estrangeira do grupo Thales, e essa SIMTECH, como a própria razão social informa é uma representação.

    Os caras estão realmente perdendo a vergonha, agora fazem tudo bem as claras. Não há justificativa para não abrir uma licitação internacional para isso. Ou melhor, nós sabemos bem qual a justificativa para isso, não é mesmo?

    Cadê o meu kit palhaço!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Rússia Oferece ao Brasil Assistência no Desenvolvimento de Foguetes