ACS é Acionada Pela Justiça Federal de Passo Fundo (RS)

Olá leitor!

Segundo foi publicado hoje 25/10 no site jurídico independente “Espaço Vital”, a Justiça Federal de Passo Fundo (RS) determinou, nesta quinta-feira (25/10), a suspensão imediata do pagamento, a 12 ministros e uma ex-ministra do atual governo, de verbas remuneratórias que ultrapassam o teto constitucional. A decisão, em caráter liminar, é do juiz titular da 2ª Vara Federal, Nórton Luís Benites, e também proíbe o exercício remunerado de funções em organizações estatais em caso de acúmulo com os cargos ocupados nos ministérios.

Entre os réus encontram-se os Ministros Marco Antônio Raupp do MCTI, Celso Amorim do MD e Paulo Bernardo das Comunicações, e entre as instituições envolvidas também como réu está a mal engenhada empresa bi nacional Alcântara Cyclone Space (ACS).

Entenda melhor a notícia clicando aqui.

Duda Falcão


Fonte: Site jurídico “Espaço Vital” - www.espacovital.com.br

Comentários

  1. Porque será que isso não me surpreende?

    Existe mais razões para se levar adiante a ACS além de ser uma mais valia para alguns?

    Já tinha ouvido falar dessa lei, que proibe a participação remunerada em dois cargos públicos. Tem que se escolher um trabaho ou outro. Mas isso é do conhecimento geral, para quem está na área do direito, e não se trata de uma novidade ou algo que é conhecido só com muito estudo. Por outras palavras, esses senhores sabiam bem que o que estavam fazendo era errado.

    ResponderExcluir
  2. É meu caro. Por essas e outras eu mesmo me intitulo "radical", mas vê bem se não é pra ser...

    Não existe a menor hipótese da coisa funcionar no "status quo" atual.

    Enquanto os setores de pesquisa e desenvolvimento desse País estiverem nessa verdadeira lama que é o "funcionalismo público", que de público só tem o nosso suado dinheiro de impostos indo pelo ralo, vai ser isso.

    O cara pode até ser "honesto e bonzinho" num primeiro momento, mas quando entra e vê todo esse esquema já montado, acaba se entregando.

    Eu já não tenho a menor dúvida que esse é um primeiro entrave muito sério. O segundo é essa disputa ridícula interministerial, onde os satélites estão com um Ministério mais da área civíl e os lançadores estão noutro com vínculos militares, então são duas cadeias de poder em cada lado.

    Eu já falei e repito aqui. Nada contra servidores públicos civis ou militares especificamente. Sou contra esse sistema. E não tenho nenhum compromisso com nenhum dos dois. O meu compromisso como cidadão, é com o meu País, e o que está errado precisa ser mudado.

    Num sistema capitalista (que ainda acredito ser o nosso caso), me sinto como um acionista de uma empresa cujos presidentes e diretores, estão levando essa ampresa à falência e de forma acelerada.

    A "ferida" está ai. Se ninguém mexer nela, nada vai mudar, e o PEB vai continuar sendo uma espécie de PAC, usado ao sabor dos interesses mais espúrios possíveis.

    Isso realmente é cansativo. Todo dia, em todas as áreas, falcatruas em cima de falcatruas, e insisto também, imaginem quantos Brasileiros já não foram ASSASSINADOS com a roubalheira no setor de Saúde!

    Desculpas antecipadas pelo desabafo, mas tá difícil...

    Grande Abraço e boa sorte para nós todos.

    ResponderExcluir
  3. Surpresa ver um Juiz da minha cidade trabalhando nisto... e essa ACS é uma das coisas mais absurdas do país. Espero, triste dizer isso, que seja achado um desvio nessa maracutaia para que o negócio seja esquecido de vez e os culpados sejam julgados, mesmo que tudo acabe em pizza.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial