Reunião Brasil-EUA na Área de Ciência e Tecnologia


Olá leitor!

Foi realizada na sede do Departamento de Estado, em Washington (EUA), na última sexta-feira (20) a "2ª Reunião da Comissão Conjunta Brasil-Estados Unidos sobre Cooperação em Ciência e Tecnologia" que foi classificada pelos membros da delegação brasileira como “o maior e mais importante encontro de ciência, tecnologia e inovação entre os dois países até hoje”.

Esse encontro foi presidido pelo Conselheiro de C&T do presidente, Barack Obama, e diretor do Escritório de Política Científica e Tecnológica da Casa Branca, John Holdren e pelo ministro da Ciência e Tecnologia, Sergio Rezende.

O ministro Sergio Rezende na abertura dos trabalhos fez uma exposição sobre o "Plano de Ação de Ciência, Tecnologia e Inovação (PAC,T&I - 2007-2010)". Já Holdren, por sua vez, apresentou a visão dos EUA com respeito à ciência e tecnologia.

Na reunião foram feitas apresentações sobre a cooperação em diversas áreas incluindo ai o segmento Aeroespacial, Espacial, Observação da Terra e Mudanças Climáticas.

O ministro Rezende informou que ele e John Holdren acordaram em acelerar o processo de definição dos programas e projetos a serem estruturados e implementados a partir deste encontro. O objetivo comum é chegar a uma cooperação mais produtiva e mais efetiva. Nas próximas duas semanas, as partes brasileiras envolvidas na operação devem receber cartas do MCT, solicitando que elaborem suas propostas concretas de colaboração com seus parceiros norte-americanos.

Para Rezende, “Brasil e Estados Unidos estão diante de uma chance histórica: lançar um novo tipo e um novo dinamismo de cooperação, com forte impacto de benefícios não só para nossos países, como também para muitas outras nações desenvolvidas e em desenvolvimento”.

Veja as fotos da Reunião:

Divulgação/MCT
Reunião Entre Brasil e EUA para Tratar de Cooperação Científica e Tecnológica

Divulgação/MCT
Brasileiros e Norte-Americanos que Participaram da Reunião


Fonte: Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT)

Comentário: Importante, realmente muito importante um melhor entendimento entre Brasil-EUA em ciência e tecnologia e principalmente no setor Espacial. Os americanos realmente têm muito a contribuir nessa área e o governo brasileiro faz muito bem em tentar essa aproximação que certamente gerará bons frutos. No entanto, serão necessários bons negociadores para que o país faça bons acordos que gere benefícios à sociedade brasileira. É só lembrar que o governo Americano defende os interesses do povo americano. Cabe ao nosso governo defender com propriedade e competência os interesses do povo brasileiro. Chega de acordo candiru.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial