II Workshop Sobre Efeitos das Radiações Ionizantes


Olá leitor!

Segue abaixo uma notícia postada dia 13/11 no site do Instituto de Estudos Avançado (IEAv) destacando o sucesso do “II Workshop Sobre Efeitos das Radiações Ionizantes em Componentes Eletrônicos e Fotônicos de Uso Aeroespacial” realizado no período de 28 a 30/10 nas instalações do instituto.

Duda Falcão

O II Workshop Sobre os Efeitos das
Radiações Ionizantes foi um Sucesso

13/11/2009

O IEAv realizou, no período de 28 a 30 de outubro de 2009, o II Workshop sobre os Efeitos das Radiações Ionizantes em Componentes Eletrônicos e Fotônicos de Uso Aeroespacial. O Evento contou com 114 participantes representando 16 instituições de pesquisa e 6 entidades da iniciativa privada.

Os palestrantes convidados do MCT, BNDES, DCTA, INPE, CTI e AIAB apresentaram as políticas atuais quanto ao fomento e importância do setor de microeletrônica no Brasil, os interesses estratégicos da Defesa e, em particular, o panorama do setor espacial com alternativas para a participação do Brasil no mercado internacional.

Um dos resultados obtidos neste evento foi a constituição de cinco grupos de trabalho, com a participação de representantes de universidades, institutos de pesquisa e iniciativa privada cuja missão é a identificação de necessidades e prioridades em cinco frentes principais: Requisitos e Especificações, Projetos e Fabricação, Encapsulamento e Testes, Validação e Qualificação e Negócios, visando a constituição de uma proposta coerente de desenvolvimento de circuitos digitais e analógicos no Brasil robustecidos para uso em missões espaciais.

O material desenvolvido pelos grupos deverá servir de guia para buscar apoio nas diversas instâncias do governo para o desenvolvimento desse setor no país, visando o mercado internacional voltado para o acesso ao espaço.

O evento contou com financiamento da FINEP - Financiadora de Estudos e Projetos, no contexto do projeto PEICE, projeto sob coordenação do Laboratório de Radiações Ionizantes (LRI), da Divisão de Física Aplicada.


Fonte: Site do Instituto de Estudo Avançados (IEAv)

Comentário: Chamo atenção do leitor para observar que a notícia não cita em momento algum a participação da AEB nesse evento. No entanto, é louvável e merecedora de elogios a iniciativa dos participantes na constituição desses cinco grupos de trabalho visando à missão de identificar as necessidades e prioridades nas cinco frentes citadas. Espero sinceramente que a AEB tenha estado presente durante o evento, pois caso contrário demonstra uma vez mais a falta de comando que impera atualmente dentro dessa instituição.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Da Sala de Aula para o Espaço

O CLA e Sua Agenda de Lançamentos Até 2022