Cooperação Espacial Brasil - China


Segundo ao artigo 12 da Declaração Conjunta por ocasião da visita do Presidente Lula à China publicada agora a pouco às 21h33min pela ABN - Agencia Brasileira de Notícias:

Os dois Presidentes realçaram, igualmente, o objetivo de continuar a fortalecer a cooperação espacial. Coincidiram na avaliação de que o Programa Sino-Brasileiro de Satélites de Recursos Terrestres (CBERS) é um dos exemplos mais bem-sucedidos de cooperação tecnológica entre países em desenvolvimento e, a propósito, expressaram o desejo de ampliar e diversificar seu alcance. Congratularam-se pela assinatura de instrumentos de cooperação que garantem a continuidade, a expansão e as aplicações do Programa CBERS. Os dois Presidentes expressaram sua satisfação com a aplicação das informações geradas pelos satélites CBERS nos países em desenvolvimento, sobretudo no continente africano. A experiência exitosa na área espacial deve inspirar novas iniciativas no campo da ciência e tecnologia.


Fonte: Agência Brasileira de Notícias - ABN

Comentário: Pelo documento publicado pela ABN parece que não foi assinado nenhum acordo relevante na área espacial nessa visita do Presidente Lula a China. Só foram feitas ratificações de acordos já acertados anteriormente o que é uma boa notícia para o cambaleante Programa Espacial Brasileiro.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Da Sala de Aula para o Espaço

O CLA e Sua Agenda de Lançamentos Até 2022