França Quer Criar Comando de Defesa Espacial Com Lasers e Metralhadoras

Olá leitor!

Segue uma notícia postada ontem (29/07) no site “Canaltech” destacando que a França quer criar comando de defesa espacial com lasers e metralhadoras.

Duda Falcão

Home - Ciência - Espaço

França Quer Criar Comando de Defesa Espacial Com Lasers e Metralhadoras

Por Se Hyeon Oh 
Canaltech
Fonte: GizmodoReuters
29 de Julho de 2019 às 21h30

Até algumas décadas atrás, o maior temor dos países, em caso de guerra, era o ataque aéreo. Todavia, o tempo foi se passando e agora, em 2019, parece que essa história já ficou no passado. Isso porque a França afirmou no último sábado (27) que está se preparando para criar um comando espacial por satélites que pode contar com lasers superpotentes e até mesmo metralhadoras.

O presidente Emmanuel Macron disse que esse comando espacial será criado em setembro, dentro da força aérea, para garantir o desenvolvimento e reforço das capacidades espaciais do país. De acordo com a Reuters, o programa de gastos militares franceses para 2019-2025 já destinou 3,6 bilhões de euros (aproximadamente R$ 15 bi em conversão direta) para investimentos e renovação de satélites franceses.

Florence Parly, a ministra da Defesa da França, explica que esses equipamentos seriam utilizados apenas para fins defensivos — e não ofensivos. Conforme a informação do Gizmodo, a ideia inicial, pelo visto, é de que a primeira geração desses equipamentos esteja munida com câmeras que permitam monitorar possíveis ameaças, mas com a possibilidade de se juntar armas e com potencial de serem lançados em grande número, a curto prazo, de forma que possam estar em órbita até 2030.

Uma das grandes motivações para esse tipo de planejamento parece estar atrelada às recentes ações do presidente dos EUA, Donald Trump, que anunciou que criaria uma força espacial que estará pronta até 2020. Assim, é interessante — e, de certo ponto, assustador — ver como diversas nações estão evoluindo o seu arsenal e poderio militar, dando a entender que, muito embora possa parecer uma história de ficção científica, estamos rumando a uma corrida armamentista espacial.


Fonte: Site Canaltech - https://canaltech.com.br

Comentário: Pois é leitor, a militarização do espaço é algo que a raça humana devia ter vergonha de sequer abordar e inclusive existem normas internacionais que visam proibir este tipo de ação no espaço. Entretanto amigo leitor, achar que esta raça de debiloides autodestrutivos já amadureceram suficientemente para ter esta compreensão, é mesmo que achar que os 'urubus da Bahia' vão um dia conquistar o título de Campeão Brasileiro de futebol (e olha que eles acreditam mesmo nesta possibilidade fantasiosa), kkkkkkkkkkk. Mas deixando a gozação de lado, independentemente da militarização do espaço ser um completo desatino, é também uma realidade que teremos de conviver, gostemos ou não disso. Portanto leitor, fechar os olhos para esta possibilidade tornar-se um tremendo erro estratégico para qualquer nação do mundo, especialmente para aquelas ricas em recursos naturais como o Brasil. O caminho que o país precisa seguir evidentemente passa pela reformulação moral, ética e pela reorganização de toda nossa sociedade, transformando-a finalmente numa sociedade cidadã, e ai incluído as Forças Armadas que precisam cada vez mais se profissionalizar e aos seus institutos de pesquisas, bem como suas áreas de defesa cibernética e evidentemente de inteligência e contra inteligência. Afinal leitor, a raça humana caminha para o espaço e como já podemos observar, infelizmente a estupidez também estará presente nesta nova fronteira.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial