Conheça a Missão Hope Mars, Que Levará os Emirados Árabes Unidos a Marte

Olá leitor!

Segue abaixo uma matéria postada ontem (08/05) no site “Canaltech” apresentando para seus leitores detalhes da ‘Missão Hope Mars’, missão robótica está que levará os Emirados Árabes Unidos ao Planeta Marte. 

Duda Falcão

HOME - CIÊNCIA – ESPAÇO 

Conheça a Missão Hope Mars, Que Levará os Emirados Árabes Unidos a Marte 

Por Patrícia Gnipper
Canaltech
Fonte: Space.com
08 de Maio de 2020 às 22h30 

Em outubro do ano passado, noticiamos o desenvolvimento da missão Hope Mars, iniciativa dos Emirados Árabes Unidos para levar um satélite à órbita de Marte. O lançamento está previsto para acontecer ainda este ano, entre julho e agosto — aproveitando a mesma janela de lançamento que será usada pela NASA para a missão Mars 2020, que levará o rover Perseverance e o helicóptero Ingenuity ao Planeta Vermelho.

Com essa missão, a nação árabe fará parte do grupo seleto de países que já enviaram uma sonda à órbita marciana. Mas, diferentemente dos demais países, o objetivo principal da Hope Mars não é exatamente estudar nosso planeta vizinho — com isso, eles querem "acelerar o desenvolvimento de nosso setor acadêmico", nas palavras de Omran Sharaf, líder da missão que foi programada para celebrar o 50º aniversário dos Emirados Árabes Unidos. 




(Imagem: UAE)
Conceito da sonda Hope Mars.

De qualquer maneira, com uma sonda na órbita de Marte, dados científicos serão obtidos e analisados. Representantes dos Emirados Árabes Unidos procuraram o Mars Exploration Program Analysis Group (grupo consultivo da NASA composto por cientistas de todo o mundo) para que, juntos, identificassem uma tarefa científica viável para a missão Hope Mars. Então, Sarah Al Amiri, cientista-chefe da missão, definiu que o objetivo científico desta empreitada será estudar a atmosfera marciana. "Não temos ainda um entendimento completo do sistema climático de Marte ao longo de um ano inteiro", disse, já que missões anteriores e atuais acabam estudando o clima marciano apenas algumas vezes ao longo do dia.

Assim, a sonda árabe monitorará o que acontece na atmosfera de Marte durante um ano inteiro, e também fará conexões entre as camadas atmosféricas do planeta. Isso ajudará a ciência a entender melhor o clima por lá, e também poderá fornecer conhecimentos sobre como Marte perdeu parte de sua atmosfera ao longo dos últimos bilhões de anos de sua história.

A sonda Hope Mars contará com os seguintes instrumentos a bordo: uma câmera sensível a comprimentos de onda ópticos e ultravioletas, e um espectrômetro ajustado ao infravermelho e à luz ultravioleta. Eles farão medições simultâneas para que os cientistas possam empilhar os dados, sincronizando-os aos instantes em que foram coletados. Por isso, a sonda acomoda os instrumentos no mesmo "braço", e sua órbita minuciosamente ajustada permitirá duas visões diferentes do planeta — uma em que ele fica sob a sonda, e outra em que a sonda acompanha os movimentos do planeta, observando o mesmo ponto ao longo do tempo. Com isso, será possível criar um mapa completo da atmosfera marciana.


Fonte: Site Canaltech -  https://canaltech.com.br 

Comentário: Pois é leitor. Veja aí, e vale dizer que enquanto a nossa pífia agencia espacial já tem 26 anos de existência e vive se vangloriado por isso sem ter realizado nada de tão significativo no espaço, a Agencia Espacial dos Emirados Unidos (United Arab Emirates Space Agency - UAESA) foi fundada em 2014, e está enviando este ano essa fantástica espaçonave pra o Planeta Marte. Então caro leitor, fica evidente que tem algo de muito errado, pois mesmo que o Brasil não tenha a pretensão de explorar o espaço como estão fazendo a UAESA e outras agenciais espaciais do planeta (o que por si só já é um tremendo erro político estratégico) sequer consegue concluir o planejamento do modesto PNAE em vigor. Enfim... tá tudo errado e a histórica CARTA DE FOZ DO IGUAÇU (veja aqui) entregue na época ao então candidato a ministro, o astronauta Marcos Pontes, descrevia com sapiência as ações que deveriam ser tomadas pelo Governo Bolsonaro para finalmente dar um rumo desenvolvimentista ao nosso ‘PATINHO FEIO’. No entanto, infelizmente até agora, ‘tudo continua como antes no Quartel de Abrantes’, muito blá-blá-blá, muita conversa fiada e o buraco do atraso tecnológico só aumentando. Um grande exemplo desse 'jogo de cena' leitor foi o discurso do presidente da VISIONA, João Paulo Campos, isto durante a assinatura recente do tal 'Protocolo de Intenções' com a AEB (veja aqui), algo completamente fora da realidade.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Operação CRUZEIRO: Primeiro Ensaio em Voo de um Motor Aeronáutico Hipersônico Brasileiro

Janeiro de 2015 Registra Recorde de Focos de Queimadas Detectados Por Satélite