Pesquisadores Reclamam de Corte na Pasta de Ciência

Olá leitor!

Segue abaixo uma matéria postada hoje (16/02) no site “Folha.com” do “Jornal Folha de São Paulo” destacando que pesquisadores reclamaram dos cortes na pasta de Ciência e Tecnologia.

Duda Falcão

CIÊNCIA

Pesquisadores Reclamam de Corte
na Pasta de Ciência

SABINE RIGHETTI
DE SÃO PAULO
THIAGO FERNANDES
COLABORAÇÃO PARA A FOLHA
16/02/2012 - 17h41

O corte de 22% no orçamento do Ministério da Ciêcia, Tecnologia e Inovação previsto para 2012, anunciado nesta quarta-feira pelo Ministério da Fazenda, repercutiu nos corredores acadêmicos.

A SBPC (Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência), principal representante dos cientistas do país, classificou como "absurda" a redução nos investimentos no setor.

"Os reflexos na produção científica nacional serão sentidos", disse à Folha a presidente da instituição, Helena Nader.

Ela contou que enviara uma carta à presidente Dilma Rousseff exatamente uma semana antes do anúncio dos cortes pedindo que ciência e educação fossem poupados. "Esses cortes são contra o discurso da presente, que tem um compromisso com o desenvolvimento social do país", disse Nader.

O orçamento previsto para o MCTI (Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação) em 2012 é de R$ 5,2 bilhões. O valor é R$ 1,48 bilhão menor do que no ano passado, quando a fatia de ciência foi de R$ 6,7 bilhões.

Em 2011, a pasta de ciência já havia sofrido um corte de 23% dos recursos.

MENOS INOVAÇÃO

A Anpei (Associação Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento das Empresas Inovadora) afirmou, em nota, que os cortes nos investimentos podem piorar os saldos negativos da balança comercial brasileira.

Isso porque a redução dos investimentos pode afetar a competitividade das empresas que fazem pesquisa e inovação.

Em 2011, o termo "inovação" foi incluído no nome do MCTI.

"Aumentamos a gama de atividades do ministério, incluindo a inovação, e diminuímos os recursos. Isso não faz o menor sentido", diz Nader.


Fonte: Site Folha.com - 16/02/2012

Comentário: Pois é leitor, a presidente da SBPC e aqueles que acreditaram nesses energúmenos começam a cair na real de que a Ciência e Tecnologia, mola mestra do desenvolvimento de uma nação, quando aliada a educação de qualidade, não é, e jamais foi prioridade de qualquer governo brasileiro, seja ele de esquerda, de direita, de centro ou até marciano. Ora, é claro que o setor viveu momentos melhores como na época do governo do humorista LULA, mas em momento algum de sua história teve o apoio que precisava para mudar o país e não é por acaso que mesmo sendo hoje a sexta economia do mundo, estamos muito atrasados tecnologicamente em diversas áreas crucias para o nosso futuro. Um grande exemplo disso é o próprio Programa Espacial, chamado de Patinho Feio em rodas fechadas, utilizado como propaganda e moeda política (como no caso da ACS) e que apesar de ser importantíssimo para o país, não tem apelo político popular e consequentemente não gera voto, fazendo com que seja sempre colocando em terceiro, quarto, ou quinto plano, apesar de nos últimos três anos diversos documentos, tanto do governo, como da Câmara Federal, quanto de instituições do setor, terem sido lançados em prol do programa, inclusive, no caso do governo, com planos de investimentos no período 2012-2015. A verdade é que, apesar dessa mobilização toda, esses documentos jamais foram vistos com seriedade pelo governo do humorista Lula e seguem o mesmo caminho no governo atual. Em outra palavras, para eles é nada mais que papel higiênico de baixa qualidade. Lamentável!

Comentários

  1. Pois é, mas isso já era esperado quando o governo anunciou que "contingenciaria" 55 bilhões de reais do orçamento do união. Agora, para o programa social do governo chamado se não me engano "Brasil sem Miséria", não será afetado pelos cortes ,mas aí fica a pergunta: Como vamos acabar com a miséria no Brasil se continuamos a tratar a nossa ciência dessa forma?
    Todos sabemos que o desenvolvimento pleno de uma nação está intrinsecamente ligado às áreas do conhecimento científico.
    Abraço a todos!

    ResponderExcluir
  2. Olá Leo!

    É ai amigo que está a reclamação da presidente da SBPC, ou seja, o discurso não bate com as ações, e a expectativa era que o setor de Educação e de Ciência Tecnologia ficassem fora desse cortes, coisa que não ocorreu. Vale dizer que os recursos para o setor de ciência são ainda menores do que o ano passado. Em outras palavras, estão diminuindo ano a ano quando deveriam estar aumentando.

    Abs

    Duda Falcão
    (Blog Brazilian Space)

    ResponderExcluir
  3. olha, isso realmente é triste... o governo dá apoio p quem invade terras dos outros, dá bolsa família p quem não trabalha, e no setor que pode desenvolver o país e tirar do estado de mendicância, corta verbas...

    é ultrajante e vergonhoso

    ResponderExcluir
  4. Quando vai ser anunciado o CORTE NA PASTA DA CORRUPÇÃO? Os gastos com corrupção seria suficiente para cobrir essa falsa necessidade de corte!!!

    ResponderExcluir
  5. Pois é Vando!

    Bem observado, esse é o problema no Brasil, infelizmente.

    Abs

    Duda Falcão
    (Blog Brazilian Space)

    ResponderExcluir
  6. Olá al.mor!

    Concordo contigo amigo, mas infelizmente teremos ainda de conviver com isso por muito tempo.

    Abs

    Duda Falcão
    (Blog Brazilian Space)

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Da Sala de Aula para o Espaço

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial