O Inovador Instituto Prado Lone de Londrina


Olá leitor!
Como os mais informados devem saber tem sido muito comum a formação de grupos de aficionados em foguetes experimentais e tecnologias afins no mundo todo e não poderia ser diferente no Brasil.


Assim sendo, em Londrina, no Paraná, foi criado para esse fim em 2006 o “Instituto Prado Lone (IPL)” por um grupo de pesquisadores que tem como principal objetivo reunir profissionais e interessados nas áreas tecnológicas e científicas e incentivar que essas pessoas promovam o desenvolvimento do setor através da execução de projetos que aprimorem ou que criem novas tecnologias.

Não é de se estranhar leitor que a região de Londrina seja uma das regiões de vanguarda em desenvolvimento espacial no país, já que foi na UNOPAR (Universidade Norte do Paraná) em Londrina, que foi desenvolvido o primeiro satélite (nanossatélite) universitário brasileiro (o UNOSAT), que infelizmente foi destruído junto com o SATEC (Satélite Tecnológico) do INPE no acidente que vitimou os 21 técnicos brasileiros em Alcântara em 2003.

Assim sendo, não é por acaso que o IPL é formado por profissionais que já participaram no desenvolvimento de projetos junto à institutos e universidades do país e dentre eles o Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE), o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), a Agência Espacial Brasileira (AEB), a
Universidade Estadual de Londrina (UEL) e é claro a Universidade Norte do Paraná (UNOPAR). Vale lembrar que alguns desses trabalhos geraram patentes, publicações nacionais e internacionais, além de prêmios regionais e nacionais.

Segundo consta no site do IPL a formação de um grupo para o desenvolvimento de foguetes experimentais dentro do instituto foi motivado pelo interesse de vários de seus membros pela área aeroespacial, devido à participação de alguns desses mesmos membros em atividades dessa área por vários anos.

Um fato interessante que se deve destacar é que no grupo além do interesse comum pela área aeroespacial, os participantes tem habilidades e interesses variados, o que é essencial para a atividade uma vez que ela é multidisciplinar e necessita do conhecimento de física, matemática, química, mecânica, eletrônica, computação entre outras.

Como reconhecimento do bom trabalho que o instituto vem realizando o mesmo foi agraciado com a "Comenda Científica Samuel Cunha Filho" pelos trabalhos de apoio a tecnologia de foguetes experimentais em Londrina. A comenda foi outorgada pelo Núcleo Tecnológico do Agreste, Base de Lançamento de Foguetes Experimentais Drª Rosaly Lopes e Colégio Cenecista São José.

Assim sendo, para satisfação do instituto o membro Antônio Carlos Deliberador, foi até Bezerros-PE em 04/11/2007 para durante o evento receber a comenda das mãos da própria Drª Rosaly Lopes, cientista do Laboratório de Propulsão a Jato da NASA, no auditório do Centro de Artesanato de Pernambuco, em Bezerros-PE. O evento fez parte da inauguração da base de lançamento de foguetes experimentais que leva o nome da pesquisadora da NASA.

Além de foguetes experimentais, vale lembrar que o IPL está envolvido num novo projeto de desenvolvimento de telescópios.

GRUPOS

FOGUETES



Como foi dito anteriormente o IPL é formado por membros que já participaram de atividades na área aeroespacial desenvolvendo e lançando foguetes em outros grupos, além daqueles que participaram de projetos junto ao INPE, IAE e AEB, e também aqueles que sempre foram curiosos pela área. Com isso, quando o grupo foi formado, já existia uma boa experiência dos integrantes, o que foi essencial para os trabalhos a serem realizados. Abaixo segue algumas informações sobre os membros ativos do grupo no momento.


Nome: Antônio Carlos Deliberator


Profissão/Formação: Dentista

Projeto: Foguetes Experimentais

Comentários: Responsável pelo combustível e pela estrutura do foguete. Construiu o corpo, o bico e o pára-quedas.



Nome: Eduardo Augusto Rigon


Profissão/Formação: Dentista

Projeto: Foguetes Experimentais

Comentários: Responsável pela balística interna e aerodinâmica.



Nome: João José Lone


Profissão/Formação: Bancário aposentado, formado em Administração pela Universidade Estadual de Londrina.

Projetos: Foguetes Experimentais e Telescópios (ATM)




Nome: Lucas Prado Lone


Profissão/Formação: Formado em Engenharia Elétrica pela Universidade Estadual de Londrina.

Projetos: Foguetes Experimentais e Telescópios (ATM)

Comentários: Responsável pela eletrônica embarcada e pelas filmagens/fotos feitas no lançamento e recuperação.



Nome: Maria José Prado Lone


Profissão/Formação: Formada em Matemática

Projeto: Foguetes Experimentais





Nome: Mário Cesar Paiva


Profissão/Formação: Formado em Engenharia Elétrica pela Universidade Norte do Paraná.

Projeto: Foguetes Experimentais

Comentários: Responsável pelo motor do foguete e pela forma para o propelente.



Nome: Mateus Prado Lone


Profissão/Formação: Cursando Engenharia Civil na Universidade Estadual de Londrina.

Projetos: Foguetes Experimentais e Telescópios (ATM)

Comentários: Responsável pela página na internet, recuperação e pelas filmagens/fotos feitas no lançamento e recuperação do foguete.



Nome: Tiago Prado Lone


Profissão/Formação: Formado em Ciência da Computação pela Universidade Estadual de Londrina.

Projetos: Foguetes Experimentais e Telescópios (ATM)

Comentários: Responsável pela página na internet, software no PC e recuperação do foguete.



Nome: Vitor Benini


Profissão/Formação: Cursando Engenharia Civil na Universidade Estadual de Londrina.

Projeto: Foguetes Experimentais

Comentários: Responsável pela montagem, propelente e recuperação do foguete.

TELESCÓPIOS

Nome: Cássia


Profissão/Formação: Formada em Arquitetura pela Universidade Estadual de Londrina.

Projeto: Telescópios (ATM)




Nome: João José Lone

Profissão/Formação: Bancário aposentado, formado em Administração pela Universidade Estadual de Londrina.

Projetos: Foguetes Experimentais e Telescópios (ATM)



Nome: Joyde Regina Mendes

Profissão/Formação: Cursando Serviço Social na Universidade Estadual de Londrina.

Projeto: Telescópios (ATM)





Nome: Lucas Prado Lone


Profissão/Formação: Formado em Engenharia Elétrica pela Universidade Estadual de Londrina.

Projetos: Foguetes Experimentais e Telescópios (ATM)




Nome: Mateus Prado Lone


Profissão/Formação: Cursando Engenharia Civil na Universidade Estadual de Londrina.

Projetos: Foguetes Experimentais e Telescópios (ATM)



Nome: Newton Cesar Florencio

Profissão/Formação: Formado em Ciências (Licenciatura) pela Faculdade Estadual de Ciências e Letras de Paranavaí - Pr; Cursando Física (Licenciatura e Bacharelado) pela Universidade Estadual de Londrina.

Projeto: Telescópios (ATM)



Nome: Pablo Fogaça

Profissão/Formação: Cursando Engenharia Civil na Universidade Estadual de Londrina.

Projeto: Telescópios (ATM)




Nome: Tiago Prado Lone

Profissão/Formação: Formado em Ciência da Computação pela Universidade Estadual de Londrina.

Projetos: Foguetes Experimentais e Telescópios (ATM)




Vídeo do sétimo Lançamento do instituto - 22/07/2007


Para maiores informações visite o site do instituto pelo link:

http://www.ipl.org.br/


Duda Falcão


Fonte: Site do Instituto Prado Lone (IPL)

Comentários

  1. Gostaria de entrar em contato com Tiago Prado Lone
    (assunto: 20 anos do curso de Computação da UEL).
    contatar Maria Angelica O. Camargo Brunetto
    angelica arroba uel.br

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial