AEB Integra Primeiro Dia de Atividades da 66ª Reunião Anual da SBPC

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota postada hoje (21/07) no site da Agência Espacial Brasileira (AEB) destacando que a agência integrará amanhã o primeiro dia de atividades da "66ª Reunião Anual da SBPC".

Duda Falcão

AEB Integra Primeiro Dia de Atividades
da 66ª Reunião Anual da SBPC

SBPC


Brasília, 21 de julho de 2014 – A conferência O Brasil no espaço – As aplicações e os Serviços oferecidos por Satélites, de responsabilidade da Agência Espacial Brasileira (AEB), é uma das opções do primeiro dia de atividades da 66ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), que se realiza de amanhã (22) até domingo (27) na Universidade Federal do Acre (Ufac), em Rio Branco.

O tema central desta edição é Ciência e Tecnologia em uma Amazônia sem Fronteiras. Estão programadas 199 atividades com a participação de pesquisadores do Brasil e do exterior, além de gestores do sistema de ciência e tecnologia. Serão 51 conferências, 62 mesas-redondas, 54 minicursos, 16 encontros, sete sessões especiais e cinco assembleias.

Além da conferência da AEB, proferida pelo diretor da área de satélites Carlos Gurgel, estão também programadas para a quarta-feira (23) as que abordam Ciência e tecnologia: imperativo para o desenvolvimento brasileiro; Serpentes peçonhentas e acidentes ofídicos no Brasil; Reservas extrativistas 25 anos depois; Biodiversidade e sociedades tradicionais na Amazônia, e O uso de animais em pesquisas e no ensino.

Ainda na tarde de quarta-feira o chefe da Assessoria de Cooperação Internacional da AEB, José Monserrat Filho, apresenta o tema Rumo à Lei Geral das Atividades Espaciais no Brasil numa das Sessões Especiais programadas para o período da tarde. Ele também ministra de 23 a 27 pela manhã o minicurso sobre A Política e o Direito na Era Espacial.

Novidade – Nas mesas-redondas serão abordados temas como Amazônia: o desafio de formação e fixação de doutores; Os impactos socioambientais da exploração de petróleo e gás de xisto no Acre, e O marco civil da internet.

Entre as novidades da edição deste ano está a realização da SBPC Indígena, que inclui na programação científica debates sobre o universo indígena, como Os povos indígenas e as políticas públicas, Índios isolados no Acre, Os povos indígenas e a universidade – discutindo as possibilidades e as políticas atuais.

Haverá ainda o Encontro Transfronteiriço de Povos Indígenas do Brasil-Peru-Bolívia, com a participação de indígenas e especialistas dos três países.

A AEB, por meio do Programa AEB Escola, também tem várias opções de capacitação entre os mais de 50 minicursos que serão oferecidos abordando os temas Astronomia indígena, Controle da qualidade da água, A modelagem matemática de fenômenos ligados à degradação por atividade antrópicas em mata Amazônica, Geologia do petróleo, DSTs virais e drogas de abuso – como abordar a temática dentro da sala de aula e Conversando sobre doenças tropicais.

Os minicursos terão carga horária de oito horas e os que frequentarem pelo menos 75% do curso recebem certificado de participação.

Veja a programação completa em: http://www.sbpcnet.org.br/riobranco/home/


Fonte: Agência Espacial Brasileira (AEB)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Operação CRUZEIRO: Primeiro Ensaio em Voo de um Motor Aeronáutico Hipersônico Brasileiro

Janeiro de 2015 Registra Recorde de Focos de Queimadas Detectados Por Satélite