Aos 60 Anos Célula Solar Continua Essencial Para Indústria Espacial

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota postada dia (11/04) no site da Agência Espacial Brasileira (AEB) destacando que aos 60 anos Célula Solar continua essencial para Indústria Espacial.

Duda Falcão

Aos 60 Anos Célula Solar Continua
Essencial Para Indústria Espacial

NASA


Brasília, 11 de abril de 2014  A célula solar, que converte a luz em energia elétrica, completa 60 anos neste mês. Segundo a Agência Espacial Europeia (ESA), a invenção foi demonstrada pela primeira vez no laboratório Bell Labs, em Nova Jersey, Estados Unidos, e seu primeiro uso prático foi para carregar satélites.

Até hoje, a célula solar ou célula fotovoltaica é essencial para a indústria espacial. A geração dessa energia também é uma fonte de energia para o planeta, e deve ser responsável pela geração de 3% da demanda global de energia elétrica até 2020.

Ao longo da história, a indústria espacial ajudou nos avanços da geração de energia fotovoltaica. Como exemplo, as células utilizadas atualmente para carregar satélites têm mais que o dobro de eficiência das células instaladas em telhados de casas.

Em setembro próximo, especialistas em energia se reúnem na Conferência e Exposição Europeia de Energia Solar Fotovoltaica para discutir o futuro desse tipo de energia.


Fonte: Agência Espacial Brasileira (AEB) 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial