Operação Águia I - 2013

Descrição da Campanha

Data do início da campanha:  10/06/2013
Período da campanha: 10 à 17/06/2013
Operação:  Operação Águia I - 2013
Foguete:  Foguete de Treinamento Intermediário (FTI)
Numero do vôo do foguete: 9
Data de lançamento:  13/06/2013
Horário: 15h14min (horário local)  
Local:  Centro de Lançamento de Alcântara (CLA)
Apogeu do vôo:  52,59 Km
Tempo do apogeu: 106 seg (1min46seg)
Tempo total de vôo: 216 seg (3min36seg)
Objetivo: Testar os novos e sistemas já em funcionamento no CLA, realizar o treinamento operacional do Centro de Lançamento e obter dados para qualificação e certificação do veículo.
Resultado:  Operação bem sucedida

Experimentos Embarcados:

- Não houve

Instituições Envolvidas:

AEB - Agência Espacial Brasileira
COMAER - Comando da Aeronáutica
DCTA - Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial
CLA - Centro de Lançamento de Alcântara - Alcântara-MA         
CLBI - Centro de Lançamento da Barreira do Inferno - Natal-RN
IFI - Instituto de Fomento e Coordenação Industrial
AVIBRÁS - Avibrás Indústria Aeroespacial S/A

Lançamento do Foguete FTI
Operação Águia I - 2013 – 13/06/2013

Foi lançado com sucesso dia 13/06/2013 do Centro de Lançamento de Alcântara (CLA) o nono Foguete de Treinamento Intermediário (FTI), sendo este foguete o oitavo deste tipo a ser lançado desse centro de lançamento brasileiro. A atividade integrou a Operação Águia I/ 2013 que se encerrou na dia (17/06) nesta unidade da Força Aérea, no Maranhão.

O lançamento teve o acompanhamento dos estudantes do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IFMA) do Campus Alcântara, e por um grupo de alunos e professores da Escola Caminho das Estrelas (ECE), unidade de ensino fundamental ligada ao Comando da Aeronáutica e situada nas dependências do CLA.

Conforme os dados de rastreio do foguete, o veículo atingiu uma altitude máxima (apogeu) de 52,59 quilômetros em 1min46seg de voo. Do local de lançamento até o local de dispersão no mar o foguete percorreu 82,39 quilômetros em linha reta. Ao todo, o FTI realizou um voo de 3min36seg até sua queda na área de segurança prevista para a operação.

Pela primeira vez foram testados neste tipo de veículo dois novos sistemas. Foram eles:

* O Sistema de Controle Operacional e Disparo (SCOD);
* O Sistema de Interfonia Operacional, ambos implantados este ano no CLA.

De acordo com o Coronel Enegenheiro César Demétrio Santos, Diretor do Centro, os novos sistemas digitais tornam mais ágeis e dinâmicos as etapas que devem ser seguidas na cronologia de lançamento.

Além de testar estes novos sistemas do CLA, o lançamento também teve por objetivo realizar o treinamento operacional do Centro de Lançamento,  e ainda, a obtenção de dados para qualificação e certificação do veículo.

A Operação Águia I/ 2013 foi realizada pelo CLA, unidade esta da FAB subordinada ao Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA) e contou com o apoio da Agência Espacial Brasileira (AEB), do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA), do Primeiro Comando Aéreo Regional (I COMAR), da Segunda Força Aérea (FAE II), da Capitania dos Portos do Maranhão (CPMA), do Instituto de Fomento e Coordenação Industrial (IFI) e da participação de equipes do Primeiro Esquadrão do Oitavo Grupo de Aviação (1°/8° GAv) e do Terceiro Esquadrão do Sétimo Grupo de Aviação (3°/7° Gav). 

Reportagem do Jornal "JMTV 2ª Edição"
TV Mirante – 13/06/2013


Reportagem do Jornal "JMTV 1ª Edição"
TV Mirante - 14/06/2013

Fotos da Campanha:

Fotos: Diverso oficiais da FAB e outras fontes


Fonte: Site da Força Aérea Brasileira (FAB)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial