Boeing Sues Sea Launch Partners for $350 Million

Hello reader!

It follows one article published on the day (02/04), in the website www.reuters.com  edition US, announcing that Boeing sues Sea Launch partners for $350 million.

Duda Falcão

Boeing Sues Sea Launch
Partners for $350 Million

Satellite launch service filed for bankruptcy in 2009

By Nate Raymond
Mon Feb 4, 2013 1:11pm EST

NEW YORK, Feb 4 (Reuters) - Boeing Co has sued its Russian and Ukrainian partners in satellite launch service Sea Launch, saying they refused to pay it more than $350 million following the joint-venture's bankruptcy filing in 2009.

The lawsuit, filed in U.S. District Court in Los Angeles on Friday, targeted RSC Energia, a company partially owned by the Russian government, and two Ukrainian state-owned companies, PO Yuzhnoye Mashinostroitelny Zavod and KB Yuzhnoye.

Boeing said it partnered with the companies, as well as Norway's Kvaerner Moss Technology, in 1995 to create Sea Launch, which focuses on launching commercial satellites into space.

The U.S. aerospace company said it provided substantial funding for the venture, and the partners agreed that, if it failed, they would reimburse Boeing their share of the funding.

Sea Launch sent its first satellite into space in 1999, but filed for bankruptcy in 2009 because of weaker demand, mounting debt and a failed launch that led to a $53.2 million arbitration award against the company, Boeing said in its complaint.

Sea Launch emerged from bankruptcy in 2010. As part of the plan of reorganization, a subsidiary of RSC Energia increased its ownership to 95 percent from 25 percent, the lawsuit said. Boeing and Kvaerner, now called Aker Maritime Finance AS, split the remaining 5 percent.

In its complaint, Boeing said RSC Energia, also called S.P. Koroley Rocket and Space Corporation Energia, tried to avoid liability to Boeing and Aker.

LOAN GUARANTEES

When Sea Launch filed for bankruptcy, the banks that financed the company made calls on loan guarantees, forcing Boeing to pay out $449 million.

Boeing said RSC Energia and the Ukrainian companies are required to pay their share of that sum. It initially pursued reimbursement through an arbitration filed in 2009 with the Stockholm Chamber of Commerce, but in 2010 the arbitrator said it lacked jurisdiction. The case is now before the Swedish Court of Appeal.

Boeing said in its new lawsuit that RSC Energia owed at least $222.3 million and the Yuzhnoye companies owed at least $133.4 million.

Boeing said in its most recent quarterly report in October that, in the event it cannot recover the money, it will incur pre-tax charges of up to $356 million.

John Dern, a spokesman for Boeing, declined to comment. A spokesman for Sea Launch also did not respond to a request for a comment. A spokeswoman for the Yuzhnoye companies declined to comment on Monday and representatives for RSC Energia were not available for a comment.

The case is The Boeing Company v. KB Yuzhnoye, et al., U.S. District Court, Central District of California, 13-00730.


Source: Website of the Reuters - Edition US - http://www.reuters.com

Comentário: A notícia é de fevereiro leitor e eu lamento não ter tido ciência dela anteriormente. Veja você o que pode acabar resultando esse acordo com os ucranianos que gerou a mal engenhada empresa binacional Alcântara Cyclone Space (ACS). Diferentemente da ACS que é uma piada e já nasceu como um desastre econômico e ecológico anunciado, a empresa americana, russa e ucraniana “Sea Launch” chegou ao mercado no final do século passado com uma grande expectativa da comunidade internacional e acabou resultando nesse imbróglio que é relatado no artigo acima. Caro leitor, precisamos evitar que esses energúmenos do governo DILMA ROUSSEFF nos leve a um desastre com essa mal engenhada empresa ACS. Exerça sua cidadania assinando e divulgando a Petição da ACS (por favor, assinem as Petições do blog com os seus nomes completos, e não como algumas pessoas estão fazendo colocando somente dois nomes e a vezes somente o primeiro nome. Aqui não estamos brincando e sim liderando uma luta com documentos sérios em prol do verdadeiro PEB e do futuro de nosso país) enquanto ainda se pode fazer algo. Aproveitamos e agradecemos ao leitor Alex Siqueira pelo envio desse significante artigo.

Comentários

  1. Eu fico impressionado como as pessoas não ligam ou não entendem os registros históricos.

    E isso não é exclusividade do Brasil. Vejam esse caso.

    Todos sabiam, ou deveriam saber que com a queda da união soviética e principalmente do seu regime, todas as deficiências ficaram expostas. As chamadas "repúblicas" que constituíam a antiga União Soviética ficaram total e completamente falidas, pois a economia era artificial e as fábricas sobreviviam num sistema comercialmente inviável.

    Todos sabiam, ou deveriam saber que as fabricas da Rússia e Ucrânia que no regime anterior trabalhavam de forma integrada, agora se viam diante de parques fabris que em cada local, fabricavam desde liquidificadores, passando por aviões e helicópteros e até foguetes.

    Ora, convenhamos que não precisa ser nenhum super fera em economia para saber que qualquer "acordo" com esse tipo de empresa (principalmente com envolvimento estatal), era certeza de ter problemas.

    Então cabe a pergunta: qual o real objetivo de uma empresa como a Boeing em entrar numa dessas?

    Não precisa ir muito longe não: trata-se da nossa conhecida "política", que em qualquer lugar do mundo, raciocina por vias escusas, MUITO escusas.

    Att.

    ResponderExcluir
  2. Raupp entrevistado na Voz da Rússia: http://portuguese.ruvr.ru/2013_03_25/Ministro-da-Ciencia-fala-da-cooperacao-tecnico-cientifica-russo-brasileira/

    ResponderExcluir
  3. Valeu Anônimo!

    Mas já postei essa notícias dias atrás.

    Abs

    Duda Falcão
    (Blog Brazilian Space)

    ResponderExcluir
  4. Duda, já assinei a petição, se puder assino novamente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Roberfsa!

      Não amigo, se você já assinou você fez sua parte e não deve assinar novamente. Entretanto, contamos com a sua ajuda na divulgação, tá ok?

      Abs

      Duda Falcão
      (Blog Brazilian Space)

      Excluir
  5. "Os governantes que criaram este dinossauro chamado (ACS), não tem limite confiável de um retorno positivo, há não ser um paleativo de cifras enviadas como sobremêsas após o mensalão, não duvido que este sejam mais um grande golpe, que alterniza os poderes públicos e tampam buracos da Ucrãnia.
    Como foi dito não há horizonte. Porque a sociedade científica não discutiu antes, entre uma mêsa redonda sobre a aviabilidade desse desastre pré-hitórico? Porque não oiptou-se em direção a Rússia e seus intitutos? Não se pode depender de decisões individuais, e demais políticas! Um bom exemplo é colocar um ferroviário para pilotar o õnibus espacial! concordam! Uma certa feita fui visitar a AEB em Brasília, não é que o seu presidente era um Engº Cívil, não estou questionando sua capaciade, mas se diga de passagem, não poderia colocar um Engº Eletromecãnico ou até mesmo o nosso BRASONAUTA Marcos Pontes ou um Engº Aeroespacial e tantos outros extremamente capacitados?
    O cerne do conceito de Intelectuais politícos, que são donos da razão que englobam: a física, á química , a matemática, etc. nossos mestres que sabem de tudo! com notórias exceções, num país em desenvolvimentos como o nosso, eles donos da razão, precisam justificar cada centavo que o povo neles depositam, a maioria ignorantes, desculpem a palavra. U recente estudo, mostra que o Brasil é o país que mais gasta com despessas com pilíticos e, não tem o retorno que deveria para nação.
    Esse silêncio de todos, essa flagrante omissão no especificar soluções para o nosso Programa Espacial, em entrar nos detalhes da luta dos cientistas, não justifica essas orbitantes mordómias e altos salários dos bonecos jogadores de futebol, afinal de contra , para essas personagens, me desculpe mais uma da palavra. O BRASIL QUE SE EXPLODA!
    Fico triste com estes pobres brasileiros que tentam enganar a nossa linda nação!
    Corremos o risco de o povo comodista, não mais acreditarmos na manutenção e salvação intelectual dos nossos valores morais e científicos."

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Da Sala de Aula para o Espaço

Janeiro de 2015 Registra Recorde de Focos de Queimadas Detectados Por Satélite