Embraer Designa Novo Presidente da Visiona Tecn. Espacial

Olá leitor!

Segue abaixo um press release postada dia (10/06) no site da “EMBRAER”, destacando que a empresa  designou novo presidente para “Visiona Tecnologia Espacial”.

Duda Falcão

Notícias

Embraer Designa Novo Presidente
da Visiona Tecnologia Espacial

Embraer
10/06/2012

São Paulo – SP, 11 de junho de 2012 – Nelson Krahenbuhl Salgado foi nomeado, hoje, presidente da Visiona Tecnologia Espacial S.A.

Com sede no Parque Tecnológico de São José dos Campos, em São Paulo, a Visiona terá como objetivo inicial atuar no programa do Satélite Geoestacionário Brasileiro que visa atender às necessidades de comunicação satelital do Governo Federal, incluindo o Programa Nacional de Banda Larga e um amplo espectro de transmissões estratégicas de defesa.

A Visiona também assumirá o papel de líder do Centro de Desenvolvimento de Tecnologias Espaciais, atuando em parceria com as mais relevantes entidades de ensino e pesquisa aeroespacial do País e acelerando a capacitação do setor espacial brasileiro. A Embraer detém 51% do capital social da Empresa e a Telebras controla os 49% restantes.

Engenheiro de formação, Nelson Salgado tem doutorado na Inglaterra e MBA em gestão empresarial pela Fundação Getúlio Vargas, de São Paulo. Na Embraer desde 1987, ele participou da estruturação do programa de desenvolvimento da família de jatos EMBRAER 170/190 e foi responsável por áreas corporativas, tais como Planejamento Estratégico, Planejamento Econômico e Financeiro, Controladoria e, mais recentemente, Associações e Aquisições. Nesta última função, tem representado a Embraer em negociações para expansão de seu portfólio de negócios através da aquisição de participação no capital de outras empresas, tanto no Brasil como no exterior.

“O desafio de empreender e ajudar a construir esta nova etapa do programa espacial brasileiro é uma grande oportunidade. Em especial, em um contexto em que se busca somar as competências empresariais da Embraer ao conhecimento desenvolvido pelo Brasil nesta área”, disse o novo presidente da Visiona.


Fonte: Site da Agência Espacial Brasileira (AEB)

Comentário: Parece um avanço e realmente é, mas sem o apoio do governo na hora do vamos ver, será mais uma iniciativa infrutífera. Por enquanto tem o Projeto do SGB que está sendo usado indiscriminadamente e mesmo para ele não se tem a certeza que os recursos serão liberados pelo governo respeitando o cronograma de desenvolvimento apresentado pela empresa contratada. Assim sendo, esse satélite pode até mesmo ser lançado em 2015 como na previsão da EMBRAER, ou nainda no governo DILMA caso seja reeleita, ou até dos governos subsequentes. Está ai o grande desafio do Raupp, luta verdadeiramente herculana e talvez infrutífera. Gostaríamos de agradecer ao leitor José Ildefonso pelo envio desse press release.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Da Sala de Aula para o Espaço

O CLA e Sua Agenda de Lançamentos Até 2022