Obras de Reparos Continuam Pendentes na MA-106


Olá leitor!

Segue abaixo uma matéria publicada dia 17/01 no Jornal “O Imparcial” do Maranhão denunciando que a restauração da MA-106, que liga o Terminal do Cujupe à cidade de Alcântara ainda não foi iniciada. Essa obra é fruto de um convênio entre a AEB, a ACS e o governo do Estado do Maranhão.

Duda Falcão

Rodovias

Reparos Continuam Pendentes na MA-106

Mesmo com o convênio assinado para
a restauração da MA-106, a obra ainda não foi iniciada

Suzana Beckman
suzanabeckman@ma.dabr.com.br
17/01/2010 - 09:32

Mesmo com o convênio assinado em junho do ano passado para a restauração da MA-106, que liga o Terminal do Cujupe à cidade de Alcântara, a obra ainda não foi iniciada. O convênio foi assinado no final do ano passado, entre o governo do Estado e a Alcântara Cyclone Space, e previa R$32 mi para a restauração da estrada que, nas palavras do presidente da Agência Especial Brasileira (AEB) está em “petição de miséria”. Deve ser restaurado um trecho de 58 km ligando os dois pontos.

Na Prefeitura de Alcântara, porém, a informação é de que nenhuma gota de piche já foi colocada desde então. Antônio Raimundo França, funcionário da Prefeitura, contou que nenhum prazo foi dado até o momento. “Já era para ter começado. Parece que gostam de começar obra mesmo é no inverno”, contou, ressaltando que as chuvas que tem caído na região podem atrapalhar o andamento das obras.

Intrafegável

A idéia é que a recuperação do asfalto, aliado ao reforço da estrutura da estrada, possam facilitar o transporte de maquinário pesado destinado ao lançamento de foguetes. Além disso, podem facilitar o acesso à cidade de Alcântara, visto que a viagem entre o terminal da Ponta da Espera e o do Cujupe é, hoje, uma das principais vias de acesso para quem viaja para os municípios do norte do estado.

O problema é que, no estado em que se encontra o trecho atualmente, leva-se quase duas horas para percorrer os menos de 60 km que ligam o Cujupe a Alcântara. Segundo Ganem, o projeto do CLA e da AEB é que, posteriormente, a rodovia seja estendida para outras comunidades vizinhas, de modo a beneficiar toda a região.

A Secretaria de Estado de Infraestrutura informou que a demora foi devida ao processo de licitação, mas que está concluído e a expectativa é que os trabalhos sejam iniciados já no mês de fevereiro.


Fonte: Jornal “O Imparcial” via site “O Imparcial Online” - 17/01/2010

Comentário: KKKKKKKKKKKKK, não é por acaso que não tínhamos notícia sobre essa obra. Parabéns ao jornal "O Impacial" do Maranhão pela denuncia. Leitor isso é Brasil, infelizmente (nesse sentido é claro). E ainda tinha gente que acreditava que esse foguete saia do chão em 2010, santa ingenuidade. Mesmo que tivéssemos gestores competentes na ACS e na AEB, o que não ocorre, já que infelizmente são sofríveis, sem força política não se faz nada nesse país. Se essas obras fossem aqui na Bahia, bastava um telefonema do velho ACM e a coisa se resolvia imediatamente, isto é, se assim fosse do interesse dele. Está mais que demonstrado que o que os senhores Carlos Ganem e Roberto Amaral só sabem derramar lágrimas através de artigos publicados nos melhores jornais, sites e revistas do país. Agora ação efetiva é só para “Gente que Faz”.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial