Operação MAPHEUS-7

DESCRIÇÃO DA CAMPANHA 

Operação:  Mapheus-7 
Foguete: VS-31/I M (Improved Malemute) V01 
Numero do vôo do foguete:  01 
Data de lançamento:  17/02/2018 
Horário: 8:00 horá local - 07:00UTC 
Apogeu do vôo: 247,6 km 
Tempo de vôo: Não divulgado 
Tempo de Microgravidade: + de 6 minutos 
Peso da Carga Útil: 365 kg 
Local:  Esrange Space Center (SSC) – Kiruna – Suécia 
Objetivo: Lançar ao espaço seis experimentos da carga útil Mapheus-7 
Resultado: Sucesso Total

Carga Últil Embarcada

X-RISE - Este experimento de solidificação de ligas de alumínio e cobre, base para ligas de alumínio fundido, foi investigada em dois fornos isotérmicos. 
MemEx II - Este experimento concentrou-se em alterações biofísicas nas membranas celulares em gravidade zero. 
GraSchA - Este experimento examinou a propagação do som em grânulos a pressões de empacotamento muito baixas e em amplitudes sonoras muito pequenas a médias. 
RAMSES – Neste experimento as soluções com micro-flutuadores ativos foram examinadas em um total de dez células de amostra independentes em dois tanques de pressão integrados pouco antes do início. 
CELLFIX - Este experimento consistiu em um Módulo para a fixação de amostras biológicas, neste caso células-tronco e células neuronais. 
* Outro experimento examinou a intensidade da radiação vertical durante a subida e o vôo do MAPHEUS.  

Instituições Envolvidas 

DLR - Centro Aeroespacial Alemão 
DLR MORABA - Base Móvel de Mísseis do DLR 
DLR-IAFT - Instituto de Aerodinâmica e Tecnologia de Fluxo do DLR 
DLR IMP - Instituto de Física de Materiais do DLR 
DLR-IAM - Instituto de Medicina Aeroespacial do DLR 
SSC - Swedish Space Corporation (Suécia)

Participação Indireta:

AEB - Agência Espacial Brasileira 
IAE - Instituto de Aeronáutica e Espaço 
DCTA - Departamento de Ciências e Tecnologia Aeroespacial

VS-31/IM é Lançado com Sucesso da Suécia

O primeiro voo deste novo foguete VS-31/IM V01, operado que é pela Swedish Space Corporation (SSC), foi realizado com sucesso às 08:00 horário local (07:00UTC) do dia 17 de Fevereiro de 2018 do Centro Espacial de Esrange, na Suécia, transportando a carga útil MAPHEUS-7 de 365kg com seis experimentos abordo, e foi recuperada com sucesso no dia 19 de fevereiro.

Tal como as missões anteriores neste programa, esta missão MAPHEUS-7 (MAFisical Experiments Under Weightlessness), dirigida que é pela Agência Espacial Alemã (DLR), teve como objetivo o estudo da Física dos Materiais, sendo os objetivos desta missão específica realizar com sucesso os seis experimentos de microgravidade a bordo e qualificar o recém-desenvolvido sistema transportador S31-Improved Malemute, que impunha exigências crescentes à resistência da carga à aceleração.

O programa de pesquisa de altitude MAPHEUS funciona há 10 anos. O voo anual, preparado é realizado pela Base Móvel de Mísseis da DLR (MORABA), e permite que os cientistas obtenham acesso independente e regular a experimentos em gravidade zero. Neste programa, os avanços nas técnicas de medição e a implementação de hardware de voo altamente desenvolvido acompanham experimentos de definição de tendências no campo das propriedades de líquidos metálicos e sua solidificação, bem como a dinâmica de sistemas desordenados e a percepção da gravidade por sistemas biológicos.

Novo Sistema de Transporte Para Física dos Materiais e Biologia Gravitacional 

Com o vôo bem-sucedido do MAPHEUS-7, o departamento DLR MORABA (Base Móvel de Mísseis), que planeja e realiza vôos com mísseis no programa MAPHEUS, está expandindo sua família de sistemas de transporte de duas etapas com a combinação S31 - Malemute Aprimorado. O Malemute Melhorado, de nível de foguete, que restou de antigos estoques militares, foi adaptado para atender aos requisitos de um segundo nível em um porta-foguetes de pesquisa. "O projeto dinâmico aerodinâmico e de vôo, bem como o desenvolvimento da estrutura do estágio intermediário, estrutura da cauda, ​​adaptador de carga útil e sistema de ignição foram realizados pela MORABA com o apoio do Instituto DLR de Aerodinâmica e Tecnologia de Fluxo", diz o Chefe da Missão Frank Scheuerpflug. as cargas médias e pesadas fornecem acesso a condições de microgravidade de seis minutos, mas também podem ser usadas para pesquisas hipersônicas ou atmosféricas.

O este novo foguete VS-31/IM é composto em seu primeiro estágio pelo motor-foguete S31 de origem brasileira e em seu segundo estágio pelo motor-foguete Improved Malemute de origem norte-americana. O lançador tem um diâmetro de 557 mm e uma massa total de 2.663,2 kg. É capaz de atingir um apogeu a cerca de 250 km com um tempo de microgravidade de cerca de 360 segundos. A carga tem um comprimento de 3,49 metros. O tempo de ignição do estágio S31 é de cerca de 12,4 segundos, enquanto que o tempo de queima do estágio IM é de cerca de 27,3 segundos. O período de estabilização (Yo-yo despin) é de cerca de 51 segundos. A máxima aceleração no voo é de 12,3 g e o tempo de voo até ao apogeu é de cerca de 248 segundos.

VÍDEOS:


FOTOS DA CAMPANHA:



Fontes: Diversas.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Janeiro de 2015 Registra Recorde de Focos de Queimadas Detectados Por Satélite

O CLA e Sua Agenda de Lançamentos Até 2022