Divisão do GPDA da UFABC Desenvolve Motores-Foguetes

Olá leitor!

Você que acompanha diariamente o blog, sabe que a Universidade de Brasília (UnB) e a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) realizam atualmente projetos de motores-foguete nas áreas de propulsão híbrida (UnB), propulsão líquida (UFMG) e propulsão a plasma para satélites e sondas espaciais (UnB).

Entretanto, existem outras universidades brasileiras que começam a criar seus grupos de pesquisas na área de motores-foguete, ainda que timidamente.

Uma delas e a Universidade Federal do ABC (UFABC) aonde aparentemente desde 2010 a "Divisão de Foguetes Experimentais" do "Grupo de Pesquisas e Desenvolvimento Aeroespacial (GPDA)" vem realizando testes estáticos com motores-foguete de propulsão sólida.

Até onde sabemos, foram realizados no primeiro semestre do ano passado dois testes estáticos com motores das classes “H e J” que obtiveram sucessos e insucessos.

Não temos maiores informações sobre o que ocorreu após esses testes, porém é muito bom observar que essas iniciativas vem aumentado no Brasil e que as nossas universidades começam a ter um maior envolvimento com atividades espaciais.

Duda Falcão

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial