Sistema Plataforma de Lançamento do VLS-1

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota publicada hoje (20/09) no site do “Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE)" destacando que o “Sistema Plataforma de Lançamento do VLS-1”, mais conhecida como Torre Móvel de Integração (TMI) encontra-se em fase de conclusão no Centro de Lançamento de Alcântara (CLA).

Duda Falcão

Sistema Plataforma de Lançamento do VLS-1

Campo Montenegro
20/09/2011

O Sistema Plataforma de Lançamento do VLS-1 (SISPLAT) está em fase de conclusão no Centro de Lançamento de Alcântara (CLA). Os painéis já estão instalados fisicamente, as iluminações instaladas, câmeras do Circuito Fechado de TV instaladas, sistema de ar refrigerado e pressurização instalado, Sistema de Detecção e Alarme de Combate a Incêndio em fase final, sistema de proteção contra descargas atmosféricas em fase final. Pelo cronograma do Consórcio JARAGUÁ/LAVITTA, em outubro próximo iniciará os ajustes e testes para iniciar a instalação do sistema de automação.

Essas atividades acontecerão até o final de dezembro ou início de janeiro de 2012. Concluído essa fase está previsto a integração do mock-up (MIR), para recebimento definitivo da obra, nos meses de março e abril. Essa integração só é possível em março devido ser o mesmo mock-up que está em testes de separação. (clique em cima das fotos para ampliá-las)



 Fonte: Site do Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE)

Comentário: Sinceramente torço para que esteja tudo pronto para o lançamento do VLS-1 XVT-01 em 2012 e espero que o governo DILMA assuma esse compromisso para com a sociedade brasileira. Não há mais espaço para atrasos e será inadmissível que esse cronograma e o dos vôos subseqüentes (VLS-1 XVT-02 e VLS-1 VO4) não ocorram em 2013 e 2014 como previstos, principalmente se isso ocorrer por culpa dessa mal engenhada empresa Alcântara Cyclone Space (ACS). Como brasileiro cobro do Congresso Nacional uma posição enérgica e eficiente desse fórum político e de seus representantes cobrando do MCTI e do governo DILMA total apoio ao cronograma estabelecido pelo DCTA/IAE. Chega de promessas vazias com relação a esse programa VLS que já completou mais de trintas anos e precisa ser concluído para que o programa possa avançar em busca de novos horizontes. Estaremos atentos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial