ESA Se Une Com Empresas Privadas e Vai Enviar Missão Para Minerar Solo Lunar

Olá leitor!

Segue um interessante artigo postado ontem (21/01) no site “Canaltech” destacando que a Agencia Espacial Europeia (ESA) se uniu a empresas privadas (entre elas uma startup) e vai enviar missão para Minerar Solo lunar.

Duda Falcão

Home - Ciência – Espaço

ESA Se Une Com Empresas Privadas e Vai
Enviar Missão Para Minerar Solo Lunar

Por Patrícia Gnipper
Canaltech
21 de Janeiro de 2019 às 18h37

A agência espacial europeia (ESA) firmou uma parceria com o ArianeGroup, empresa privada com sede em Paris, para que, em uma parceria público-privada, uma nova missão com destino à Lua seja enviada antes de 2025. A ideia, dessa vez, não é enviar pessoas ao nosso satélite natural, mas sim estudar a possibilidade de minerar o regolito — camada solta de material que recobre a superfície da Lua.

Na Lua, o regolito é resultado da erosão cósmica, decorrente de fatores como grande amplitude térmica, choque com meteoritos e outros processos do tipo. O ArianeGroup diz que "o regolito é um minério a partir do qual é possível extrair água e oxigênio, permitindo assim uma presença humana independente na Lua, capaz de produzir o combustível necessário para missões exploratórias distantes".

Outra empresa que faz parte da empreitada é a PTScientists, startup espacial cujo objetivo é ser a primeira empresa privada a pousar uma nave na Lua, além de explorar o local de pouso da missão Apollo 17, da NASA. O consórcio totalmente europeu será capaz de fornecer serviços para toda a missão, desde planejamento científico, desenvolvimento de naves, robôs e foguetes, criação de softwares e de sistemas de comunicação.

"O uso de recursos espaciais pode ser a chave para a exploração lunar sustentável, e nosso estudo faz parte do plano abrangente da ESA para tornar a Europa parceira na exploração global da próxima década — um plano que vamos apresentar aos nossos ministros para decisão ainda este ano, na Conferência Space19", acrescentou Dr. David Parker, diretor de exploração humana e robótica na ESA.


Fonte: Site Canaltech - https://canaltech.com.br

Comentário: Olhem ai Ministro Marcos Pontes e presidente Carlos Moura (AEB), olhem o exemplo que esta sendo dado por uma das maiores e mais exitosas agencia espacial do mundo. Será que somos diferentes e não precisamos de um exemplo como esse? Será que seguiremos tentando inventar a roda? Pois então Ministro, não querendo ser chato, mas sendo sem constrangimento, pois é necessário, insisto como cidadão brasileiro que, o senhor e a sua equipe se reúnam o mais breve possível com os ‘CEOs’ das startups brasileiras, para assim juntos discutirem uma politica para o setor, bem como também discutir como essas pequenas empresas podem ajudar para um rápido e consistente desenvolvimento do setor espacial brasileiro. Acredite nisso Ministro Pontes, pois suas ações de agora refletirão muito no PEB no próximo decênio e, portanto, elas não podem ser equivocadas indo de encontro ao modelo de agora adotado mundialmente. Em outras palavras, basta fazer o feijão com o arroz, ponto. Parabéns a ESA.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Da Sala de Aula para o Espaço

Janeiro de 2015 Registra Recorde de Focos de Queimadas Detectados Por Satélite