Planetário de Brasília Recebe Mais de 80 Mil Visitantes

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota postada ontem (20/10) no site da Agência Espacial Brasileira (AEB) destacando que o Planetário de Brasília recebeu mais de 80 mil visitantes desde a reabertura em dezembro de 2013, marca alcançada durante a realização da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT 2014), que terminou neste domingo (19/10), em Brasília.

Duda Falcão

Planetário de Brasília Recebe
Mais de 80 Mil Visitantes

Secti

Foto: Divulgação/Secti
Estudantes medalhistas visitam o Planetário na SNCT.

Brasília, 20 de outubro de 2014 – O Planetário de Brasília ultrapassou o número de 80 mil visitantes, contando desde a reabertura em dezembro de 2013. Grande parte deste público foi de alunos de escolas públicas e particulares.

A marca foi registrada na Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT 2014), que terminou neste domingo (19), em Brasília (DF). O Planetário foi uma das atrações no estande da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti) e da Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAPDF), no pavilhão de exposições do Parque da Cidade.

Segundo o secretário da Casa Civil do DF, Swedenberger Barbosa, o Planetário é um dos projetos mais importantes e interessantes do GDF, pois permite a integração da população com equipamentos públicos, sobretudo os alunos, que representam um segmento da sociedade em formação e com sede de conhecimento.

“Mais de 80 mil pessoas, a grande maioria crianças, tiveram a oportunidade de conhecer o seu planeta, o sistema solar, de ter explicações de como é que essas imagens (captadas por telescópios, observatórios e satélites) chegam de maneira tão fantástica para o domínio e conhecimento de cada um de nós”, comentou Barbosa.

No final de setembro, o Planetário havia ultrapassado os 73 mil visitantes. No levantamento dos últimos 18 dias, constatou-se que o público manteve uma média de visitação de 400 pessoas por dia.

Na visita à mostra científica o secretário conheceu o projeto Estrelarium da Universidade de Brasília (UnB), que busca levar a astronomia para pessoas com deficiência visual e tem a parceria do Planetário. “São demonstrações de avanços tecnológicos extraordinários, aliados à capacidade que a gente tem de fazer a inclusão das pessoas para essa temática”, disse.

Medalhistas – Os estudantes brasileiros tiveram um excelente desempenho na 8ª Olimpíada Internacional de Astronomia e Astrofísica, realizada em agosto, na Romênia. O grupo conquistou uma inédita medalha de prata, além de duas de bronze em provas individuais e menções honrosas.

Os medalhistas Allan Costa, 17 anos, Daniel Gomes, 16, Daniel Mitsutani, 16, e Felipe Vieira Coimbra, 16, visitaram o Planetário na semana. “O Planetário de Brasília é ótimo. Já visitei outros e digo que este é um dos melhores”, disse Coimbra. Para o estudante, os planetários são peças fundamentais na iniciação do estudo de astronomia.

Daniel Gomes destacou a importância do incentivo a pesquisa cientifica para a melhoria da qualidade de vida. “Muitas vezes, as pessoas não percebem a relação, porque não conseguem ver uma aplicação direta do assunto a ser pesquisado na vida. Embora quanto mais se estude, mais se percebe que existe essa aplicação e que é exatamente para isso que é importante desenvolver essas pesquisas, para melhorar a vida das pessoas e a sociedade”, afirmou.

O Planetário de Brasília funciona de terça-feira a domingo.


Fonte: Agência Espacial Brasileira (AEB)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial