Realizador do Projeto VES é Entrevistado Pelo Blog

Olá leitor!

Recentemente postamos aqui duas notas sobre o projeto do foguete VES da empresa “COYOTE ROCKETS COMPANY” (veja as notas O Veículo Experimental de Sondagem (VES) , Campus Party - O VES Será Lançado em Fevereiro) que é coordenado pelo senhor Wagner “Coyote” Brito.

Após termos solicitado que o senhor Wagner Brito entrasse em contato via e-mail com o blog através de um comentário nosso postado na última nota sobre o foguete, recebemos o contato do mesmo e solicitamos uma entrevista que prontamente foi aceita pelo senhor Wagner e que postamos agora abaixo para o leitor.

Gostaríamos de agradecer publicamente ao senhor Wagner Brito pela atenção dispensada ao blog “BRAZILIAN SPACE”, desejando-lhe sorte com seus projetos e nos colocando a disposição para divulgar informações sobre a COYOTE ROCKETS e sobre o foguete VES assim que haja mais notícias a disposição.

Duda Falcão

BRAZILIAN SPACE: Nos fale um pouco sobre o senhor. O que faz, sua idade, onde nasceu e como iniciou nessa área de desenvolvimento de foguetes?

WAGNER BRITO: Sou técnico em eletrônica formado pela Escola Técnica Modelo (praça Anchieta) em 1978, atualmente ingressando na mecatrônica, trabalhei como autônomo na área de mixagem e eventos. Nascido na cidade de São Caetano do Sul, hoje com 50 anos de idade e aposentado como profissional liberal, iniciei na área de espaçomodelismo em decorrência de uma brincadeira de produzir foguetes de coca cola e mentos que foi uma febre no ano de 2006.

BRAZILIAN SPACE: Quando Surgiu a idéia de desenvolver o VES para atender a comunidade científica e por quê?

WAGNER BRITO: Comecei a fabricar pequenos foguetes (como mostra um vídeo no youtube) de pólvora negra e parafina e no decorrer deste hobby, despertou uma vontade de construir algo melhor e mais emocionante, e com o sucesso das missões, pretendo ingressar definitivamente em algum programa vinculado á AEB.

Sr. Luigi (LB Metalúrgica) e o Sr. Wagner Brito

BRAZILIAN SPACE: Foi divulgado pelo “Portal TERRA” que o VES deverá ser utilizado para experimentos em microgravidade. No entanto, pelo que foi divulgado também o mesmo atingirá o apogeu de pouco mais de nove mil metros. Sabemos que o ambiente de microgravidade começa a partir de 100 km de altitude e sendo assim como poderá ser feito isto?

WAGNER BRITO: A microgravidade não tem quaisquer relacionamento com altitude ou espaço exterior; o fenômeno microgravidade ocorre quando um corpo está em queda livre equilibrado com a força gravitacional da terra. portanto se alguém pular de uma mesa, por frações de micro segundos, ele estará em ambiente de microgravidade até que toque ao solo.

BRAZILIAN SPACE: Quando exatamente está previsto para ocorrer o lançamento do VES?

WAGNER BRITO: Pretendo efetuar o lançamento na ultima semana de fevereiro 2011.

O senhor Wagner Brito mexendo no foguete VES

BRAZILIAN SPACE: Será necessária alguma autorização de algum órgão do governo para o lançamento deste foguete?

WAGNER BRITO: Todo o projeto (que já dura um ano) foi devidamente transparente e informado ás autoridades do Centro de Lançamento de Alcântara, e quando for definido o dia e hora exata do lançamento tenho que informar o procedimento á ANAC (Agencia Nacional de Aviação Civil) para que confeccionem um ofício baseado na norma RBHA101 que prevê e autoriza lançamento de foguetes e balões estratosféricos.

BRAZILIAN SPACE: O senhor contou com alguma ajuda governamental para o desenvolvimento deste foguete?

WAGNER BRITO: Por enquanto é um sonho ou realização que tenho desenvolvido com recursos próprios.

Os aviônicos do foguete VES

BRAZILIAN SPCACE: Com o sucesso do lançamento do VES, qual será o próximo passo deste projeto?

WAGNER BRITO: Como consta no meu domínio www.coyoterockets.com.br, o VES tem propulsão sólida a base de nitratos, mas está apto a operar com percloratos, o que dobra a capacidade de velocidade e altitude, mas se dispuser de ajuda ou incentivos, iremos pular este capítulo e construir foguetes de propulsão liquida, que são veículos com tecnologia de ponta e aptos para atender a demanda em nosso país.

BRAZILIAN SPACE: Existe por parte do senhor algum projeto de foguete que vise atingir os 100 km de altitude?

WAGNER BRITO: Sem faltar com a modéstia, meu objetivo é somar forças junto aos órgãos especializados na área, para que juntos possamos lançar um foguete (de verdade) a mais de 38000 mil metros, em órbita geoestacionária.

O torneiro Nestor mexendo no
“Sistema de Propulsão” do foguete VES

BRAZILIAN SPACE: Ainda segundo o “Portal TERRA” o senhor foi convidado por um dos membros da Agência Espacial Brasileira (AEB) para participar de projetos de incentivo do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). Como se dará isso?

WAGNER BRITO: A informação procede: o Sr. Benjamim Galvão que é coordenador da Agência Espacial Brasileira (AEB) esteve em nosso stand palestrando sobre a construção de satélites brasileiros enfatizando o avanço e alta tecnologia na área, onde está em fase de conclusão o (satélite Amazônia) que utilizará a primeira Plataforma Multimissão (PMM), um conceito moderno de engenharia na arquitetura para construção de satélites que pretende reunir, em uma única plataforma, todos os equipamentos cujas funções são necessárias ao funcionamento de um satélite.

A previsão é de que até o final deste ano, o satélite esteja pronto e possa ser utilizado no monitoramento da Amazônia, destacando a urgência no desenvolvimento de foguetes para colocar em órbita esses aparelhos, para que possamos desfrutar de tecnologias de primeiro mundo, e após tomar conhecimento de nosso projeto o (VES) , nos convidou a comparecer á sede da AEB para maiores detalhes.

BRAZILIAN SPACE: Qual a sua opinião quanto à realização de eventos no país que adotem o modelo dos chamados “Spacecamps”, amplamente difundido mundo afora?

WAGNER BRITO: Verificando seu blog, percebi que você tem vestido a camisa com o ideal de unir as necessidades brasileiras, com a mão de obra e criatividade por parte de universitários e profissionais autônomos.

Eu só posso lhe dar os parabéns, e incentivar esta idéia que terá como objetivo final, o crescimento e fortalecimento de nosso país.

O “Sistema de Propulsão” do foguete VES

Comentários

  1. Boa tarde,

    vc poderiam me indicar onde poderia comprar uma replica deste foguete? gostaria de um para decoração.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial