AEB Realiza Terceira Reunião de Avaliação Crítica do PEB

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota postada hoje (27/04) no site da Agência Espacial Brasileira (AEB) destacando que a AEB realizou dia 25/04 em São José dos Campos (SP) a terceira “Reunião de Avaliação Crítica e Alinhamento Estratégico do Programa Espacial Brasileiro”.

Duda Falcão

Terceira Reunião de Avaliação
Crítica e Alinhamento Estratégico
do Programa Espacial Brasileiro

AEB
27/04/2011

A terceira reunião de avaliação crítica e alinhamento estratégico do Programa Espacial Brasileiro ocorreu em 25 de abril na direção geral do Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA), em São José dos Campos (SP). A reunião contou com representantes da AEB, do Instituto Nacional de Pesquisas (INPE), do DCTA, do setor industrial e da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC).

Durante a reunião, foram discutidos os programas de satélite e de foguetes lançadores brasileiros por representantes do INPE e do DCTA. Os programas foram revistos e criticados em função das demandas levantadas na reunião anterior e uma proposta de reformulação da carteira de projetos será apresentada ao Ministro de Ciência e Tecnologia, no último encontro. “Demandas como os sistemas preconizados pela Estratégia Nacional de Defesa e a necessidade urgente de um satélite meteorológico próprio deverão ser atendidas”, adianta Marco Antônio Raupp, presidente da AEB.

Representantes da empresa binacional Alcantara Cyclone Space (ACS) apresentaram o estágio de desenvolvimento do foguete ucraniano Cyclone-4 e questões relativas à certificação do lançador, pelo lado brasileiro, foram levantadas. As obras de infraestrutura geral do Centro de Lançamento de Alcântara (CLA) também foram apresentadas, juntamente com as necessidades em termos de orçamento para que o Cyclone-4 seja lançado em 2012.

“O entendimento entre os vários atores do setor espacial é essencial para a eficiência da utilização de recursos humanos e financeiros disponíveis ao Programa Espacial”, concluiu o diretor do Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE), Francisco Pantoja.


Fonte: Agência Espacial Brasileira (AEB)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial