Organização do N-Prize Divulga Idéia Inovadora do NTA

Olá leitor!

Recebi agora a pouco um e-mail do coordenador do Núcleo Tecnológico do Agreste (NTA), de Bezerros (PE), o Professor Marcos Luna, informando que o Paul Dear, idealizador do Prêmio N-Prize, entrou em contato via e-mail com NTA para informar que foi divulgado pela organização do evento, detalhes sobre o “Projeto LUNA 1” para os participantes do prêmio, causando uma agradável surpresa entre todos devido (segundo eles) a simplicidade do projeto apresentado pelo NTA.

Não pela idéia de levar o foguete “LUNA 1” e de seu femtosatélite até o seu ponto de lançamento através de balões de gás hélio, já que é uma ideia conhecida e já usada algumas vezes, mas pelo diferencial de levar balões extras vazios que serão enchidos com o excesso dos gases gerados pela expansão dos balões por causa da diferença de pressão.

Assim sendo , segundo o professor Marcos Luna, os balões não irão estourar aos 30 km e consequentemente irão bem mais alto, haja vista que, quando todos os balões estiverem no seu máximo volume, as placas inteligentes desenvolvidas pelo NTA vão controlar a liberação do excesso do gás hélio no espaço e assim continuar subindo.

Segundo o Paul Dear, mesmo que a ideia do NTA por alguma razão não funcione, mas a missão venha alcançar uma altura que supere a atual marca mundial japonesa em balões de 53 km, já será um grande feito.

O professor Marcos Luna informa também que a equipe do NTA participante do premio acaba de ser acrescida com a participação do especialista em telecomunicações, Prof. Carlos Fraga, de Vitória (ES) e também que o núcleo está no aguardo da confirmação da data da viagem da Drª Rosaly Lopes (JPL/NASA) ao Brasil, para então marcar a data de lançamento do foguete.

Duda Falcão


Fonte: Núcleo Tecnológico do Agreste (NTA)

Comentários

  1. Saudações amigo. Sabe informar quais foram os resultados desse experimento, se foi feio o lançamento, se a equipe ainda existe. abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Gabriel!

      Não tenho mais nenhuma informação sobre este evento e não sei lhe informar qual foi o fim dele. Porém as equipes brasileiras se inscreveram não concluíram sua participação, isto é certo.

      Abs

      Duda Falcão
      (Blog Brazilian Space)

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial