Inventor do INPE Vence Etapa Sudeste do Prêmio FINEP

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota postada hoje (28/11) no site do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) destacando que inventor do instituto vence etapa sudeste do Prêmio FINEP.

Duda Falcão

Inventor do INPE Vence
Etapa Sudeste do Prêmio FINEP

Segunda-feira, 28 de Novembro de 2011

Pelo desenvolvimento das pontas ultrassônicas de diamante, que permitem tratamentos dentários quase indolores, Vladimir Airoldi, cientista do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), receberá o Prêmio FINEP de Inovação 2011 da Região Sudeste, na categoria Inventor Inovador. A cerimônia de entrega dos troféus será nesta terça-feira (29/11), às 19h, na Pinacoteca do Estado de São Paulo, na capital (Praça da Luz, nº 2).

A área de saúde é das que mais se beneficia de spin-offs - produtos de pesquisas inicialmente direcionadas para o programa espacial que acabam tendo utilidade no cotidiano. No Laboratório Associado de Sensores e Materiais do INPE, a tecnologia de deposição do diamante CVD (Chemical Vapor Deposition) levou à criação das pontas (brocas) de grande precisão de corte e eficiência. Com a inovação, tornou-se possível um tratamento menos invasivo, que preserva ao máximo os dentes do paciente.

Para o premiado inventor, é preciso agilizar o processo de transferência de tecnologia da academia para a indústria e estimular spin-offs. “A inovação não pode ficar restrita à área espacial, mas deve ser empregada em benefício da sociedade”, comenta Airoldi, que coordena no INPE o Grupo DIMARE – Diamante e Materiais Relacionados.

Na área espacial, o diamante CVD é usado na proteção de superfícies sujeitas a bombardeamento de partículas cósmicas, como dissipadores de calor e dispositivos eletrônicos mais resistentes, entre outras aplicações. Além do uso em equipamentos para medicina e odontologia, o diamante CVD deve beneficiar também a indústria petrolífera. “A área espacial é muito visada na busca por novas tecnologias”, frisa o cientista do INPE.


O Prêmio

São três finalistas em cada categoria, com exceção da Inventor Inovador, onde apenas Vladimir Airoldi foi classificado . Os primeiros colocados regionais em cada categoria do Prêmio FINEP vão concorrer à etapa Nacional, com premiação na primeira quinzena de dezembro, em Brasília. A data depende de confirmação pelo gabinete da Presidenta Dilma Roussef.

Todos os vencedores estão habilitados a receber recursos não reembolsáveis, que variam de R$ 120 mil a R$ 2 milhões, totalizando R$ 17 milhões. A verba é para ser usada no desenvolvimento de projetos nas áreas de ciência, tecnologia e inovação.

A região liderou com o número de inscrições – de um total de 353, 137 vieram do Sudeste. Nesta edição, houve sete categorias – Instituição de Ciência e Tecnologia, Micro e Pequena Empresa, Média Empresa, Grande Empresa, Tecnologia Social e Inventor Inovador (apenas para candidatos com patente depositada no INPI – Instituto Nacional de Propriedade Industrial e efetiva comercialização de suas criações nos últimos três anos). Além dessas categorias, o Prêmio INOVAR este ano insere-se como uma categoria especial do Prêmio FINEP.

Os finalistas da etapa Sudeste do Prêmio FINEP de Inovação 2011 são:

Inventor Inovador

Vladimir Jesus Trava Airoldi

Pequena Empresa

Concert Technologies (SP)
Orbital Engenharia (SP)
Termofrio de São Carlos Máquinas de Automação (SP)

Média Empresa

Braile Biomédica (SP)
Condor S/A Indústria Química (RJ)
Módulo Security Solutions (RJ)

Instituição Científica e Tecnológica (ICT)

Coordenadoria de Transferência e Inovação Tecnológica da UFMG (MG)
Fundação Aplicações de Tecnologias Criticas – Atech (SP)
Instituto de Pesquisas Eldorado (SP)

Tecnologia Social

Cidades sem Fome/Hortas Comunitárias – ONG Cidades Sem Fome (RJ)
Primeira rede de venda direta de produtos sustentáveis do Brasil - Instituto Asta (RJ)
Projeto Piloto de Revitalização Ecossocial do Cerrado- EMATER/MG (Empresa de Assistência
Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais)

Vladimir Airoldi coordena no INPE o Grupo DIMARE - Diamante e Materiais
Relacionados, do Laboratório Associado de Sensores e Materiais (LAS)

A figura mostra a variedade de pontas ultrassônicas
para uso em diversas especialidades odontológicas


Fonte: Site do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE).

Comentário: O blog BRAZILIAN SPACE parabeniza ao cientista Vladimir Airoldi pela conquista deste prêmio.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Rússia Oferece ao Brasil Assistência no Desenvolvimento de Foguetes