Enquanto Investimos no Cyclone-4, a Argentina Avança - 2

Olá leitor!

Veja você leitor como são as coisas. No final da tarde de hoje, após ter postado pela manhã a nota sobre o avanço da Argentina na área de foguetes, fiquei sabendo através de um leitor argentino que além do projeto do lançador de satélites TRONADOR II (CONAE/VENG), dos foguetes suborbitais GRADICOM I e II (Instituto de Investigaciones Cientificas y Técnicas para la Defensa – CITEDEF/ Força Aérea Argentina - FAA) e o foguete suborbital ORBIT (CITEDEF/Grupo Leiva), que dentro do plano de acesso ao espaço para defesa a FAA em parceria com o CITEDEF vem desenvolvendo um outro foguete suborbital denominado FAS 1500. Veja abaixo uma foto desse foguete com algumas informações sobre o mesmo.

Foguete suborbital FAS 1500 da FAA
Clique em cima da imagem para ampliá-la

A fonte também informa que a revista aeroespacio (creio que seja argentina) menciona que a FAA também está desenvolvendo motores de plasma para a sustentação de microsatélites em órbita, motores híbridos para reentrada atmosférica, além de trabalhar no desenvolvimento de vetores de sondagem e injetores de satélites baseados em combustíveis sólidos.

Pois é, como você mesmo pode notar leitor, existe no momento no país platino um enorme esforço tanto no universo civil, quanto no militar, para dotar o mais rapidamente possível esse país de tecnologias de acesso ao espaço tanto orbital quanto suborbital.

Gostaria de aproveitar e agradecer publicamente ao leitor argentino Fernando (infelizmente o mesmo não deixou seu nome completo) pelo contato e pela dica, convidando-o a participar mais vezes quando assim desejar. Segue abaixo algumas fotos desse foguete e um vídeo de uma cerimônia de comemoração da Força Aérea Argentina (FAA) onde por um momento aparece o foguete FAS 1500.

 Fotos do Foguete suborbital FAS 1500

Cerimonia de Comemoração pelos 50 Anos do CEV I

Duda Falcão


Fonte: Fórum argentino http://aviacionargentina.net/

Comentários

  1. Cara, eu postei o link dessa matéria no site Plano Brasil. Segue o link: http://planobrasil.com/2011/11/29/foguete-argentino-fas1500/

    Sem problema?

    ResponderExcluir
  2. Olá Mallconz!

    Fez bem amigo, já que as informações sobre as atividades espacias argentinas precisam ser melhor divulgadas.

    Abs

    Duda Falcão
    (Blog Brazilian Space)

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial