Workshop Brasil-União Europeia Debate Observação da Terra

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota postada hoje (03/05) no site da Agência Espacial Brasileira (AEB) destacando que Workshop Brasil-União europeia debate Observação da Terra.

Duda Falcão

Workshop Brasil-União Europeia
Debate Observação da Terra

SBPC


Brasília, 3 de junho de 2014  O evento, organizado pela Agência Espacial Brasileira (AEB) e pela União Europeia (UE), se realiza na sexta-feira (6), como parte da Reunião Regional da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), marcada para os dias 5 e 6, no Parque Tecnológico de São José dos Campos (SP).

A intenção é mobilizar as instituições de ensino e pesquisa, bem como as empresas do segmento aeroespacial do Vale do Paraíba. Participam da abertura os diretores da área de empresas da UE, Philippe Burnet, de Política Espacial e Investimentos da AEB, Petrônio Noronha de Souza, e do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), Leonel Perondi.

Na programação estão nove palestrantes indicados pela UE e nove brasileiros, ligados ao Ministério do Meio Ambiente (MMA), Secretaria do Meio Ambiente de São José dos Campos, INPE, Embrapa, Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (CEMADEN), Agência Nacional de Águas (ANA), e empresa Geoambiente.

O workshop inclui a discussão dos seguintes temas: Observação da Terra – Disseminação de Dados de Infraestruturas Espaciais; Pesquisa e Indústria; Segurança Alimentar e Monitoramento de Culturas; Desastres Naturais; Serviços e Usuários; Monitoramento Ambiental; e Recursos Hídricos.

Especial relevância terá nas apresentações europeias, o Programa Copernicus, constelação de satélites de observação da Terra de cobertura global, cujo primeiro satélite, Sentinel-1, foi lançado em 3 de abril último.

Confira a programação completa em: http://www.sbpcnet.org.br/valeparaiba/atividades/


Fonte: Agência Espacial Brasileira (AEB) 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial