Pedido de Patente do INPE é Publicado Pela Organização Mundial da Propriedade Intelectual

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota postada hoje (05/06) no site do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) destacando que pedido de patente do instituto é publicado pela “Organização Mundial da Propriedade Intelectual”.

Duda Falcão

Pedido de Patente do INPE é Publicado
Pela Organização Mundial da
Propriedade Intelectual

Quinta-feira, 05 de Junho de 2014

Criado por Luiz Antonio Waack Bambace, Paulo Giácomo Milani e Ulisses Thadeu Vieira Guedes, da Coordenação de Engenharia e Tecnologia Espacial do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), o “Método de Voo ou Reentrada na Atmosfera Utilizando Rotação“ teve seu pedido de patente recentemente publicado pela Organização Mundial da Propriedade Intelectual (WIPO, na sigla em inglês). Isto permitirá que empresas de outros países conheçam a tecnologia.

O pedido desta patente foi anteriormente depositado no Brasil e, também, através do PCT - Patent Cooperation Treaty (Tratado de Cooperação em Matéria de Patentes).

“O depósito no PCT permite ao INPE obter uma busca internacional nas bases de patentes de todo o mundo para avaliar a invenção quanto a sua novidade, atividade inventiva e aplicação industrial. É necessária a publicação pela WIPO para posteriormente ter efeito o seu depósito nos países membros deste Tratado”, explica João Ávila, do Núcleo de Inovação Tecnológica (NIT) do INPE.

Segundo o NIT/INPE, o instituto já recebeu relatório desta busca internacional e opinião escrita oficial favorável, o que deve permitir licenciamento ou transferência da tecnologia a empresas interessadas. O edital de oferta pública está em análise pela Direção do INPE e deve ser submetido à Consultoria Jurídica da União (CJU).

“A partir deste licenciamento o INPE terá condições de, através da empresa que ganhar o edital, depositar este pedido de patente nos vários  países cobertos pelo Tratado e solicitar a proteção desta tecnologia”, completa Ávila.


Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)

Comentário: Hummmm, bom, bom, muito bom mesmo. Parabéns aos pesquisadores do INPE.

Comentários

  1. Isso tudo se tornará cada vez mais comum, principalmente com a adesão do Brasil ao protocolo de Madri.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Janeiro de 2015 Registra Recorde de Focos de Queimadas Detectados Por Satélite

O CLA e Sua Agenda de Lançamentos Até 2022