UNESP Realiza Oficina Sobre o Ensino de Física

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota postada dia (19/03) no site da “Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP)” destacando que o Campus de São Paulo realizará ente os dias 19 e 22/03 oficina sobre o ensino de Física.

Duda Falcão

Câmpus de São Paulo Realiza
Oficina Sobre o Ensino de Física

Evento reúne educadores para discutir modelos de aprendizagem

Paulo Velloso
19/03/2012

Helio Takai
Bicho-papão da maioria dos alunos do ensino médio no Brasil, a Física será tema de debates na Oficina de Física de Partículas, a ser realizada no Câmpus de São Paulo, de 19 a 22 de março. Promovido pela Sociedade Brasileira de Física e pela American Physical Society, o evento apresentará formas de familiarizar os alunos com os conceitos básicos da disciplina usando materiais simples e acessíveis, como o leite integral, a pipoca, o forno de microondas, o gelo seco e o álcool.

Com um número de participantes limitado a quarenta, o encontro é restrito apenas a alunos de licenciatura em Física, professores dos ensinos médio e superior, todos pré-selecionados pelos organizadores a partir de material apresentado na inscrição. O workshop será apresentado em quatro partes: “Movimento Browniano”, “Constante de Planck”, “Experimento da Pipoca” e “Câmara de Nuvens”.

“No primeiro dia de atividades, entraremos no mundo microscópico para demonstrar que tudo o que nos cerca é formado por átomos e moléculas”, diz o físico Caio Laganá Fernandes, mestrando do Instituto de Física Teórica (IFT) da Unesp. No segundo dia, por meio dos princípios estabelecidos por Max Planck (1858-1947), será discutido o efeito fotoelétrico.

Raios Cósmicos

No “Experimento da Pipoca”, atividade do terceiro dia da oficina, serão introduzidos os conceitos de estatística, contagem de eventos e o estudo da origem das ineficiências. Finalmente, na “Câmara de Nuvens” será comprovada a existência dos raios cósmicos. “Com um aquário e vapor de álcool, podemos facilmente observar essas partículas que vêm do espaço e que deixam uma espécie de ‘rastro’ por onde passam”, explica Laganá.

De acordo com Sandra dos Santos Padula, professora do IFT, orientadora de Laganá e uma das coordenadoras do evento, o plano é disseminar essa forma de ensino por todo o Estado. “Este ano, participarão representantes de cinco câmpus da Unesp, num total de cerca de 20 pessoas, entre alunos de licenciatura e professores do ensino médio”, ela contabiliza. “No futuro, cada um desses participantes poderá se transformar num repetidor do conteúdo dessa oficina”.

Além de pesquisadores da Universidade, participarão do workshop professores da Rede Pública, do Instituto Federal de São Paulo, da Universidade Federal do ABC, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e dos colégios Bandeirantes, Equipe e Miguel de Cervantes, além de estudantes de licenciatura da Unesp e da USP.

“Modelos de ensino como esse tendem a motivar os estudantes a explorar carreiras que, de outra forma, talvez nem viessem a conhecer”, diz Helio Takai, que está no Brasil especialmente para coordenar a oficina. Físico experimental nuclear e de partículas elementares do Laboratório Nacional de Brookhaven, nos Estados Unidos, onde também trabalha em programas educacionais voltados para o ensino médio, Takai aposta em iniciativas como esta para elevar o nível científico dos profissionais no setor tecnológico. “A médio e longo prazos, é a melhor forma que conheço para promover uma melhor formação dos jovens”.

A Oficina de Física de Partículas será realizada no Núcleo de Computação Científica, piso térreo do prédio do IFT (bloco II), na rua Dr. Bento Teobaldo Ferraz, 271, defronte à Estação Barra Funda do Metrô.


Fonte: Site da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Ouviu o Barulho no Céu? Entenda o Fenômeno Que Assustou os Brasileiros no Último Final de Semana

Operação CRUZEIRO: Primeiro Ensaio em Voo de um Motor Aeronáutico Hipersônico Brasileiro