Documentário 'Amazônia Climática' Marca os 10 Anos do CCST / INPE

Caro leitor!

Segue abaixo uma nota postada ontem (20/12) no site oficial do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) destacando que documentário ‘Amazônia Climática’ marca os 10 anos do CCST / INPE.

Duda Falcão

NOTÍCIA

Documentário Amazônia Climática
Marca os 10 Anos do CCST / INPE

Por INPE
Publicado: Dez 20, 2018

São José dos Campos-SP, 20 de dezembro de 2018

Para garantir ao Brasil as informações científicas necessárias a políticas públicas para o setor climático e ambiental, o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) criou, há 10 anos, o Centro de Ciência do Sistema Terrestre (CCST). Entre suas ações, destacam-se estudos sobre os processos de mudança de uso e cobertura da terra e como estes processos estão relacionados a fatores socioeconômicos e biofísicos.

A atuação do CCST/INPE é pautada pela cooperação entre pesquisadores de diferentes áreas e instituições, buscando aproximar a sociedade da Ciência. Neste sentido, foi produzido o documentário "Amazônia Climática", disponível aqui.

Inserir a questão do meio ambiente na vida das pessoas foi o objetivo do evento "Amazônia em Foco", realizado em agosto no Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro, com diversas leituras sobre a floresta, sob a ótica de cientistas, indígenas, terceiro setor, e representantes de áreas de comunicação e de financiamento ao desenvolvimento.


Para Jean Ometto, chefe do CCST/INPE, "um dos desafios de aproximar o tema da população é justamente fazer as pessoas entenderem, com uma linguagem simples, o quanto cada um faz parte não só dos problemas, mas principalmente das soluções. Esta é a tônica de uma relação construtiva e instrumental na mudança das trajetórias de desenvolvimento social no país, incluindo em seu âmago uma relação de respeito e de troca com o meio".

Outra iniciativa importante do CCST/INPE é a participação na Plataforma Brasileira de Biodiversidade e Serviços Ecossistêmicos, também destinada a apoiar a tomada de decisão nas esferas pública e privada. Serviços ecossistêmicos são os benefícios proporcionados pela natureza que sustentam a vida no planeta, como água limpa, ar puro, alimentos, regulação do clima e proteção contra desastres naturais, energia, polinização, lazer e até bens culturais e valores emocionais.

Os pesquisadores do INPE alertam que o impacto da perda de biodiversidade para a qualidade de vida é grande, assim como o desafio premente de mostrar para a sociedade a importância desses serviços prestados pelos sistemas naturais para o ser humano. A conservação e o manejo dos recursos naturais demandam uma articulação entre diferentes setores da economia e da sociedade para garantir as bases de um desenvolvimento sustentável para o Brasil.

Por meio do CCST, o INPE elabora os cenários futuros de mudanças ambientais globais de interesse do país. Para isso, coordena e realiza pesquisas de excelência em Modelagem e Observações do Sistema Terrestre, especialmente do Sistema Climático, Mudança de Uso e Cobertura da Terra, Hidrologia, Química Ambiental, Energias Renováveis, Eletricidade Atmosférica, Oceanografia e Zonas Costeiras, Queimadas, Desastres Naturais, Adaptação, Mitigação e Políticas Públicas.

São estudos importantes para avaliação de impactos das mudanças ambientais globais e regionais nos sistemas sociais, econômicos e ambientais, especialmente aqueles associados às implicações no desenvolvimento nacional e na qualidade de vida.

Mais informações: www.ccst.inpe.br


Fonte: Site do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial