Operação Falcão I - 2011

Descrição da Campanha

Data do início da campanha: 13/06/2011
Operação: Operação Falcão I – 2011 – Fase I
Foguete: Foguete de Treinamento Básico (FTB)
Numero do vôo do foguete: 11
Data de lançamento: 16/06/2011
Horário: 14h30min
Local: Centro de Lançamento de Alcântara (CLA)
Apogeu do vôo: 34,426Km
Tempo de vôo:
Objetivo: Permitir o treinamento das equipes técnicas nos procedimentos operacionais que envolvem o envio ao espaço de um veículo lançador de satélites (VLS), além de testar este foguete visando sua certificação.
Resultado: Operação bem sucedida

Experimentos Embarcados:

- Não houve

Operação: Operação Falcão I – 2011 – Fase 2
Foguete: Foguete de Treinamento Básico (FTB)
Numero do vôo do foguete: 12
Data de lançamento: 17/06/2011
Horário: 14h00
Local: Centro de Lançamento de Alcântara (CLA)
Apogeu do vôo: 31,791 Km
Tempo de vôo:
Objetivo: Permitir o treinamento das equipes técnicas nos procedimentos operacionais que envolvem o envio ao espaço de um veículo lançador de satélites (VLS), além de testar este foguete visando sua certificação.
Resultado: Operação bem sucedida

Experimentos Embarcados:

- Não houve

Instituições Envolvidas:

AEB - Agência Espacial Brasileira
DCTA - Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial
CLBI - Centro de Lançamento da Barreira do Inferno - Natal-RN
CLA - Centro de Lançamento de Alcântara - Alcântara-MA
IFI - Instituto de Fomento e Coordenação Industrial
AVIBRÁS - Avibrás Indústria Aeroespacial S/A

Lançamento do Foguete FTB
Operação Falcão I - 2011 - Primeira Fase - 16/06/2011

O primeiro foguete de treinamento (FTB) da “Operação Falcão I – 2011” foi lançado as 14h30 do dia (16/06) com sucesso do Centro de Lançamento de Alcântara (CLA). O objetivo principal desta operação, que termina hoje (22/06), foi permitir o treinamento das equipes técnicas nos procedimentos operacionais que envolvem o envio ao espaço de um veículo lançador de satélites (VLS), por exemplo.

Segundo o Coordenador-Geral da Operação, Tenente Coronel Aviador Paulo Junzo Hirasawa, o foguete atingiu seu apogeu a pouco mais de 34,426Km, e impacto a 22,4 quilômetros da costa, em alto-mar.

Os FTB tem comprimento total de 3,05 m, tempo de queima de 4s e um peso total de 68,3 Kgf. Na Operação Falcão I não serão levados experimentos a bordo em nenhum dos dois foguetes, embora haja disponibilidade de 5 kg de carga útil em cada lançamento, com possibilidade de transmissão dos dados via telemetria para as estações de solo. A duração do vôo, que compreende da decolagem até o impacto, está estimada em 2,5 minutos, com apogeu aproximado de 30 Km.

Lançamento do Primeiro FTB - 16/06/2011

Jornal da Record News - 16/06/2011

Lançamento do Foguete FTI
Operação Falcão I - 2011 - Segunda Fase - 17/06/2011

O segundo lançamento da “Operação Falcão I - 2011” foi realizada na sexta-feira (17/06), às 14h do lançamento do Centro de Lançamento de Alcântara (CLA).

O veículo atingiu seu apogeu a 31,791 Km de altitude e atingiu o mar a 17,656 Km do ponto de saída. A marca foi um pouco menor que a do primeiro lançamento, de 34,426Km, e impacto a 22,4 quilômetros da costa, em alto-mar.

De acordo com o Coordenador-Geral da Operação, Tenente Coronel Aviador Paulo Junzo Hirasawa, o objetivo da operação foi alcançado e a experiência vale para o treinamento da equipe e para a obtenção de dados para a certificação do veículo.

A Operação Falcão I faz parte de um projeto de quatro anos da Agência Espacial Brasileira para a produção de foguetes com tecnologia nacional.


Fonte: Força Aérea Brasileira (FAB)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial