Robô JACI Simula Sonda Espacial na Reunião da SBPC


Olá leitor!

Segue abaixo uma nota que saiu hoje 15/07 no site da Agência Espacial Brasileira (AEB) sobre um robô que simula uma sonda espacial e esta sendo apresentado no stand da AEB Escola na reunião da SBPC que esta acontecendo em Manaus.

Duda Falcão

Robô que Simula Sonda Espacial é
Atração no Stand do Programa AEB Escola na
SBPC Jovem

Coordenação de Comunicação Social/AEB15-07-2009

Quem passa pelo estande do programa AEB Escola, na SBPC Jovem, se encanta com um pequeno robô, o Jaci. O projeto foi desenvolvido há três anos por Izaias Cabral, professor e matemático da rede pública de ensino do Distrito Federal.

Jaci significa lua em tupi-guarani e é, também, uma sigla para Jornada Aprimorada de Controle Inteligente. O robô, movido por controle remoto, celular ou computador faz movimentos laterais, vai para frente, para trás e possui uma microcâmera na parte superior capaz de transmitir mensagens de áudio e imagens. “Com o Jaci os alunos podem ter a noção de como é difícil controlar uma sonda espacial que viaja milhares de quilômetros para explorar superfície de outros planetas”, explica o professor.

Depois de três anos aperfeiçoando o Jaci, Izaias considera gratificante ver que tantas pessoas se interessam pelo robô. A pergunta mais freqüente feita pelo público da SBPC é: o Jaci pode viajar para o espaço? “Explico a todos que o Jaci não é feito de material capaz de suportar as mudanças de temperatura que acontecem fora da Terra. Mas podemos reproduzir no nosso planeta, principalmente nas escolas, o trabalho das sondas interplanetárias”, esclarece o professor.

Além de popularizar a robótica, Izaias pretende estimular o desenvolvimento de uma sonda nacional com o Jaci.

Mepro

Com o intuito de estimular o estudo da robótica e popularizar a ciência, o professor Izaias desenvolveu, ainda, um projeto chamado “Meu Primeiro Robô” (Mepro). Como o Jaci é um robô caro e sofisticado, Izaias decidiu criar um que fosse acessível a todos. Com isso em mente, desenvolveu um quite que permite com que cada criança possa montar seu próprio robô. O quite pode ser adquirido por escolas de todo país, por R$ 200,00.

O projeto já foi implementado em duas escolas particulares do DF e na escola pública em que Izaias leciona.“O robô é fácil de ser montado e torna o ensino mais interessante”, completa. Tanto no projeto do Jaci quanto no Mepro, Izaias tem como parceira a professora Viviane Calasans.

O sonho de Izaias é ver seu projeto implantado em todas as escolas do Distrito Federal e do Brasil. O projeto, além de inovador, tem baixo custo. Para que o Mepro alcance mais pessoas, Izaias precisa de apoio financeiro.


Fonte: Site da Agência Espacial Brasileira

Comentário: Maravilhosa essa notícia e aproveito para parabenizar ao professor Izaias Cabral e a professora Viviane Calasans pela iniciativa e determinação deles e ao Programa AEB Escola por permitir que os mesmos exibam o seu trabalho no stand do programa durante a realização da 61° Reunião da SBPC. São iniciativas como essa do JACI e do MEPRO que ajudam a atrair o interesse dos jovens (que são a nossa divisão de base) para as atividades espaciais do país. Foi assim que as coisas começaram nos EUA e esse modelo se espalhou pelo mundo. Parabéns a Agencia Espacial Brasileira pelo Programa AEB Escola (para mim um dos mais significativos do PEB) ao professor Izaias Cabral e a professora Viviane Calasans e espero que iniciativas como essas sejam cada vez mais freqüentes em eventos com esse e que o projeto dos professores seja apoiado integralmente pela AEB. Estou vibrando.

Comentários

  1. Parabéns!Que o sucesso venha com tudo...pois é muito interessante se todas as escolas e alunos tivessem acesso,afinal o desenvolvimento seria muito maior.Adorei!!!

    ResponderExcluir
  2. Olá Ale!

    Você tem toda razão. Eu só espero que a AEB tenha a mesma visão da gente.

    Abs

    Duda Falcão

    ResponderExcluir
  3. É por professores como esses que ainda existem pessoas capazes de acreditar na educação.


    Ass:. Karine ALves

    ResponderExcluir
  4. Pois é Karine,

    Endosso as suas palavras.

    Abs

    Duda Falcão
    (Blog Brazilian Space)

    ResponderExcluir
  5. muito bom este projeto, pena que nem todas as crianças possam ter acesso a esta tecnologia,pra sonhar mais alto assim como o professor Izaias.
    ass:juliana

    ResponderExcluir
  6. Olá Juliana,

    Acredito que a idéia da AEB e do professor Izaias é justamente fazer com que um maior número de crianças tenha acesso a este projeto. Este é o objetivo do programa AEB Escola, divulgar para nossas crianças a ciência e tecnologia, trabalho este que apesar de ter ainda uma amplitude tímida, já vem dando excelentes resultados.

    Abs

    Duda Falcão
    (Blog Brazilian Space)

    ResponderExcluir
  7. Izaias Cabral disse...
    Olá sou o professor Izaias Cabral e tenho tentado cada vez mais deixar acessível as pessoas kits de robótica educacional. Só preciso que mais pessoas acreditem que é possível. Entrem em contato. izaiascabral@gmail.com. Obrigado por todo apoio até agora!Valeu AEB!!! Valeu Duda Falcão

    ResponderExcluir
  8. Olá professor Izaias Cabral,

    Seja bem vindo ao meu blog e fico satisfeito de saber que o meu modesto apoio lhe tenha sido útil, pois desde o inicio era este o meu objetivo. Acredito em projetos como o que o senhor desenvolve, pois a educação de qualidade é saída para o desenvolvimento de nossa sociedade. Não sei como posso continuar ajudando, mas em breve entrarei em contato para maiores esclarecimentos.

    Forte abraço

    Duda Falcão
    (Blog Brazilian Space)

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial