Um Programa Fora de Foco


Olá leitor!

Nas últimas semanas o MD/MCT/AEB/IAE/CTA vem demonstrando claramente um dos grandes problemas que aflige o Programa Espacial Brasileiro, ou seja, a falta de foco dos órgãos que comandam o programa. Se falou em desativação do CLA, ampliação do CLA, criação de um novo centro de lançamento em um outro local, desenvolvimento de um lançador de microsatélites, finalizando com as notas na ISTOé postada aqui no blog e provavelmente vem mais bomba por ai nas próximas semanas, tenha certeza disso.

Uma das notas da revista indica que o Ministério da Defesa estaria interessado em comprar um satélite radar para vigilância da Amazônia. Parece tratar-se do projeto de um satélite radar de abertura sintética. Exemplificando essa falta de foco do programa espacial, vale lembrar que desde 2001 o Brasil vem desenvolvendo em conjunto com os alemães da DLR o satélite radar de abertura sintético conhecido como MAPSAR, e que apesar disso quando o presidente Lula esteve na China (esse ano), iniciou conversações para o desenvolvimento do CBERS SAR ou CBSAR. Agora sai essa nota na revista ISTOé indicando que o MD estaria interessado em comprar um satélite pronto. Sinceramente esses caras não sabem o que querem e fica a pergunta. Para que serve mesmo o PNAE? Lamentável.

Duda Falcão

Concepção Artística do MAPSAR

Concepção Artística do Suposto CBERS SAR (CBSAR)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial