Missão Centenário - Documentário


Olá leitor!

A “Missão Centenário” foi até o momento em minha opinião o maior marco histórico alcançado pelo “Programa Espacial Brasileiro”, apesar de ter sido vista como um grande desperdício de recursos tanto pela “Comunidade Científica Brasileira (CCB)” como também pela mal informada sociedade.

Colocado através da mídia por grande parte dos integrantes da CCB que o valor científico da missão era discutível, refletiu de forma negativa junto à sociedade o não entendimento por parte de todos dos reais benefícios da missão.

É claro que a mesma poderia ter sido mais bem planejada, inclusive com objetivos científicos que justificassem o investimento. No entanto, esperar um planejamento eficiente e bem coordenado com o atual nível de gestão da “Agência Espacial Brasileira (AEB)” é algo utópico que chega as raias da comicidade.

Entretanto, não se pode negar os méritos da agência pela decisão de realizar a missão e pela escolha do momento certo de realizá-la. Infelizmente, grande parte da CCB não entendeu que a missão tinha um único grande objetivo, que era o de fazer propaganda (chamar a atenção), seguindo o exemplo bem sucedido de todos os programas espaciais através do mundo. Ou seja, divulgar para o país e para o mundo que o Brasil tinha um programa espacial significativo.

Alguns objetivos foram alcançados é verdade, pois a missão ocupou grande parte da mídia e das discussões de muitos brasileiros e estrangeiros por vários dias que certamente refletirão no futuro na formação de novos pesquisadores para o PEB.

Atraiu de tal forma a atenção de crianças e jovens que serviu como grande impulsionador do programa “AEB Escola”, fazendo com que o interesse em pesquisa espacial se multiplicasse de forma avassaladora nas escolas de todo o país.

No entanto, também não se pode negar que a falta de um melhor planejamento por parte da AEB impediu que os resultados necessários em curto prazo (maior apoio político para o programa e recursos financeiros), se realizassem efetivamente, o que é muito frustrante, já que vivemos no país de dois dos cinco maiores marqueteiros do mundo (Nizan Guanaes e Duda Mendonça) que certamente poderiam ter sido usados para desenvolver uma campanha de divulgação que traria melhores resultados.

Abaixo convido o leitor a assistir um interessante documentário sobre a “Missão Centenário” que foi recentemente lançado pela “Agência Espacial Brasileira (AEB)”.

Duda Falcão


Missão Centenário - Documentário

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Da Sala de Aula para o Espaço

O CLA e Sua Agenda de Lançamentos Até 2022