Orbital Engenharia Desenvolve Sistema para o Motor L15


Olá leitor!

Na contínua busca pela informação, venho agora falar sobre o desenvolvimento pela Orbital Engenharia de um outro projeto relacionado ao Programa Espacial Brasileiro. Trata-se do "Sistema Pressurizado de Alimentação de Motor-Foguete a Propulsão Líquida" do motor L15. Esse projeto de desenvolvimento foi aprovado pelo Programa de Subvenção Econômica à Inovação 1/2007 da Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP) e do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT).

O projeto foi iniciado 14/12/2007 com prazo de finalização em 14/06/2010 sendo que o contrato do mesmo foi assinado no valor de R$ 2.200.000,00.

O objetivo do projeto é desenvolver um sistema pressurizado de alimentação para motor-foguete à propulsão líquida, composto por válvulas, reguladores de pressão, sensores e tanques de armazenamento de combustível e oxidante e de pressurização do par propelente, linhas de distribuição e interfaces elétricas.

Os reguladores de pressão e os tanques de armazenamento e pressurização serão desenvolvidos. Os demais componentes que fazem parte do sistema, como válvulas solenóides, sensores e tubos serão adquiridos.

O sistema de alimentação resultante desse projeto poderá ser utilizado para alimentar o Motor Foguete a Propulsão Líquida (MFPL) denominado L15, o qual se encontra em desenvolvimento, através de Subvenção Econômica à Inovação Tecnológica MCT/FINEP 01/2006 (Contrato 01.07.0028.00).

Devido à inexistência atual de facilidades de teste adequadas no IAE para a realização de ensaio a quente do Sistema de Alimentação acoplado ao Motor L15, esse ensaio não será inserido nesse projeto.

Duda Falcão


Fonte: Finaciadora de Estudos e Projetos (FINEP)

Comentário: Como o leitor pode notar apesar dos desmandos, da falta de um planejamento estratégico e bem definido, de foco e de bom senso dos órgãos e das pessoas que comandam o PEB, o mesmo avança em busca da tecnologia de propulsão líquida tão necessária para que o Brasil alcance a auto-suficiência na área espacial. É verdade que esse motor L15 não fará isso (o mesmo é muito pequeno), mas é um passo de desenvolvimento do conceito para se chegar ao primeiro motor que realmente terá essa função inicialmente, ou seja, o motor L75 (para maiores informações veja aqui no blog as notas Motor a Propulsão Líquida L-75 do IAE , Motor L75 - Notícias , Motor L75 do IAE - Notícias) que já se encontra em desenvolvimento. Pela data de entrega desse sistema (julho de 2010) permitirá que o primeiro teste desse motor com o foguete VS-15 (para maiores informações sobre esse foguete veja aqui no blog a nota Projeto do Foguete VS-15 do IAE , Foguetes em Fase de Desenvolvimento pelo IAE) ocorra ainda em 2010.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Da Sala de Aula para o Espaço

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial