Estudantes Conhecem a AEB e o Programa Espacial Brasileiro

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota postada ontem (25/10) no site da Agência Espacial Brasileira (AEB), destacando estudantes participantes de campeonatos de robótica do ensino fundamental e médio de Goiânia e do Distrito Federal, estiveram nesta quarta-feira (24/10), visitando a sede da agencia em Brasília.

Duda Falcão

NOTÍCIAS

Estudantes Conhecem a AEB e
o Programa Espacial Brasileiro

Coordenação de Comunicação Social – CCS
Publicado em: 25/10/2018 - 18h49
Última modificação: 25/10/2018 - 19h44


Estudantes do ensino fundamental e médio de Goiânia e do Distrito Federal, participantes de campeonatos de robótica visitaram, nesta quarta-feira (24.10), a sede da Agência Espacial Brasileira (AEB), em Brasília. Eles assistiram a palestras, conheceram as atividades do Programa Espacial Brasileiro e também o cenário mundial da exploração espacial.

Recepcionados pelo presidente da AEB, José Raimundo Braga Coelho, os estudantes ouviram atentamente a importância dos assuntos relacionados ao setor espacial. “Os jovens precisam conhecer mais o Programa Espacial Brasileiro, pois ele não desenvolve apenas satélites e foguetes, o programa espacial tem um compromisso muito maior com o desenvolvimento tecnológico da Nação”, afirmou José Raimundo.

A tecnologista da AEB, Adriana Correa, apresentou aos visitantes algumas atividades de exploração espacial, viagens espaciais, e principalmente viagens tripuladas, tema bastante propagado hoje pelos meios de comunicação. O trabalho na área de satélites e programas de educação espacial da AEB também foram apresentados pelas servidoras da AEB, Aline Veloso e Nádia Sacenco.

O coordenador de Transporte Espacial, Jaime da Silva, abordou os trabalhos realizados no Centro de Lançamento da Barreira do Inferno (CLBI), em Natal (RN) e no Centro de Lançamento de Alcântara (MA), além de apresentar as missões e projetos de veículos lançadores brasileiros.

Conhecimento

A professora de educação tecnológica do Sesi Campinas, de Goiânia, Nádia Solto comentou que seus alunos sempre participam de campeonatos na área de robótica e já que a área espacial é multidisciplinar e inclui conhecimentos de robótica é essencial que os estudantes conheçam mais o setor.

“A oportunidade de conhecer melhor o setor espacial brasileiro é relevante para o futuro profissional dos alunos, pois além de esclarecer dúvidas também servirá de estímulo para que eles possam trabalhar no futuro na área espacial”, ressaltou a professora Nádia.

Para a professora do Sesi Gama-DF, Tereza Ribeiro, a oportunidade de conhecer mais as atividades espaciais é crucial e determinante nas competições. “Em novembro de 2018, os alunos do Sesi Gama irão participar do campeonato regional de robótica em Brasília, e o tema desse ano será voltado para iniciativas que melhorem a vida dos astronautas no espaço”, explicou a professora.


Fonte: Site da Agência Espacial Brasileira (AEB)

Comentário: Pois é leitor, devido à reconhecida incompetência instalada neste órgão, é muito difícil de acreditar que esta visita tenha sido agendada a convite da própria Agencia. Muito provavelmente tenha ocorrido por solicitação dos próprios organizadores envolvidos com esses campeonatos de Robótica, tendo a agencia apenas realizado as palestras formatadas e agora está querendo aparecer e colher frutos. Enfim... Seja como for, o que importa nesta história toda é a boa experiência vivida por esses jovens neste que talvez tenha sido o primeiro contato deles com o universo espacial.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial