Alcântara - Justiça Manda Indenizar em R$ 278 Mil Família de Vítima de Explosão

Olá leitor

Veja abaixo leitor uma notícia publicada ontem (17/09) no site “Defesanet.com” destacando que a Justiça manda indenizar em R$ 278 mil família de vítima de explosão do VLS-1 em Alcântara.

Duda Falcão

COBERTURA ESPECIAL – ESPECIAL ESPAÇO – TECNOLOGIA

Alcântara - Justiça Manda Indenizar em
R$ 278 Mil Família de Vítima de Explosão

Explosão ocasionou, 21 mortes em 2003, na base de Alcântara

Guilherme Coura
Especial para o Estado
17 de Outubro, 2018 - 23:00 ( Brasília )

Foto: Ed Ferreira/Estadão
Explosão ocasionou 21 mortes em 2003.

Funcionário do Centro Técnico Aeroespacial morreu no acidente com Veículo Lançador de Satélites, em 2003; desastre fez 21 vítimas fatais e foi provocado, segundo Ministério da Defesa, pelo acionamento súbito de um propulsor, aliado à 'degradação das condições de trabalho e segurança'.

Negligência e omissão, segundo entendimento da Justiça Federal, levaram à explosão de um Veículo Lançador de Satélites (VLS) na base de Alcântara (MA) em 2003. A decisão em primeira instância, movida pelo filho e viúva da vítima, havia sido acolhida parcialmente, com a decretação de pagamento por dano moral.

Em julgamento de recurso, o Tribunal Regional Federal da 3.ª Região (TRF-3) determinou que as indenizações previdenciárias – que já estão sendo pagas pela União -, e material, não excluem a indenização por danos materiais, fixada em R$139 mil para cada autor do processo.

O desastre matou 21 pessoas e foi provocado, segundo relatório técnico do Ministério da Defesa, pelo acionamento súbito de um dos propulsores do VLS, aliado à ‘degradação das condições de trabalho e segurança’ para os técnicos envolvidos no lançamento.

A desembargadora federal relatora do processo, Diva Malerbi, enfatizou que as conclusões e recomendações da Comissão de Investigação ‘não deixaram qualquer dúvida de que a União negligenciou e se omitiu no seu dever de garantir a segurança do projeto em todos os aspectos alvo de análise pelos técnicos’.

COM A PALAVRA, A UNIÃO

A Advocacia-Geral da União ainda não foi notificada da decisão.


Fonte: Site do defesanet.com

Comentário: Pois é leitor, hoje tenho duvidas se este acidente foi provocado somente por negligencia e omissão governamental, ou se houve algo mais em toda essa história. Porém independente disto, esses 21 heróis brasileiros sacrificaram as suas vidas por este projeto e pelo Brasil por acreditarem que poderiam fazer a diferença. Entretanto, nunca foram adequadamente indenizados (se é que isso possa ser feito integralmente) bem como homenageados e reconhecidos como heróis, nem pelas Forças Armadas, e muito menos por esta sociedade desinformada e egocêntrica em que vivemos. Fico muito feliz em saber da vitória desta viúva e de seu filho nesta questão, e parabenizo a ambos por esta conquista. O nosso reconhecimento aos que fizeram e contribuíram para o desenvolvimento de meu país, e o nosso total repudio a prática de reconhecimento de órgãos públicos e militares a indivíduos carreiristas e sem serviços relevantes prestados a nação, como por exemplo, o ocorrido em outubro de 2012 (veja aqui).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Rússia Oferece ao Brasil Assistência no Desenvolvimento de Foguetes