Lançado o Primeiro Espaçomodelo com Motor KNSu da UFPR

Olá leitor!

Segue abaixo uma notícia postada hoje (30/11) no “Blog Foguete UFPR” da Universidade Federal do Paraná, pelo Prof. Carlos Henrique Marchi, informando que foi lançado o primeiro foguete de espaçomodelismo com motor KNSu desenvolvido pelo Grupo de Foguetes Carl Sagan desta universidade.

Duda Falcão

Lançado o Primeiro Espaçomodelo
com Motor KNSu

Ontem (29 de novembro de 2014) foram lançados 4 minifoguetes
com motores das classes 1/2A e A e altímetro de bordo.

Prof. Carlos Henrique Marchi
30/11/2014

Resultados preliminares:

Dois minifoguetes com motor da classe A da Bandeirante, projetados para atingir 50 metros de apogeu, atingiram 44 metros. Estes minifoguetes são da equipe Alfa, da UFPR, que deverá participar da categoria de apogeu exato de 50 metros no Festival de Minifoguetes de Curitiba 2015.

Os outros dois minifoguetes tinham motor da classe 1/2A, fabricados pelo Grupo de Foguetes Carl Sagan, da UFPR. É o nosso primeiro motor-foguete próprio para espaçomodelo e com propelente KNSu (nitrato de potássio e sacarose).

Este motor é o resultado de uma linha de pesquisa que se iniciou em 2013. No início de novembro de 2014, este motor foi qualificado em testes estáticos. Ele é fabricado com tubo de acrílico, durepoxi e KNSu.

É provável que este motor seja o primeiro do Brasil para espaçomodelos com propelente KNSu, que é muito mais seguro do que a pólvora e pode ser feito pelos próprios fogueteiros.

Os dois minifoguetes com motor da classe 1/2A foram projetados para atingir o maior apogeu possível. Estes minifoguetes também são da equipe Alfa, da UFPR, que deverá participar da categoria de apogeu máximo na classe 1/2A no Festival de Minifoguetes de Curitiba 2015.

No melhor voo dos 2 minifoguetes, o apogeu alcançado foi de 29 metros. O recorde da NAR, dos Estados Unidos, para a classe 1/2A é de 55 metros.


Fonte: Blog “Foguete UFPR“ – 19/08/2013 – http://fogueteufpr.blogspot.com.br/

Comentário: Pois é leitor, só nos resta parabenizar ao Grupo de Foguetes Carl Sagan, da UFPR. Parabéns a todos vocês por esta conquista.

Comentários

  1. Tomara que essas iniciativas redundem em um fomento da fabricação de motores e dos próprios modelos de mini foguetes movidos a combustível sólido por aqui, e com isso nossos estudantes do ensino secundário e técnico, tenham opções tecnicamente mais elaboradas do que os foguetes de garrafa pet.

    Muito bom !

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Operação CRUZEIRO: Primeiro Ensaio em Voo de um Motor Aeronáutico Hipersônico Brasileiro

Janeiro de 2015 Registra Recorde de Focos de Queimadas Detectados Por Satélite