Lula e Yushchenko Confirmam Lançamento para 2010


Olá leitor!

Segue abaixo mais uma noticia agora publicada hoje (03/12) no jornal “O Estado do Maranhão” destacando a confirmação por parte dos presidentes do Brasil e da Ucrânia do cumprimento do cronograma de lançamento do foguete Cyclone-4 do Centro de Lançamento de Alcântara em 2010, após reunião realizada em Kiev.

Duda Falcão

Foguete Cyclone-4 Será Lançado
em 2010 do Centro de Alcântara

Presidentes do Brasil e da Ucrânia confirmaram lançamento, ontem. Em entrevista coletiva, Lula admitiu problemas ambientais e sociais com comunidades quilombolas no Maranhão e classificou o projeto como extremamente estratégico

O Estado do Maranhão
03/12/2009

Agência Brasil
Os presidentes Lula e Viktor Yushchenko, ontem, na cidade de Kiev

O lançamento em 2010 do foguete ucraniano Cyclone - 4, em Alcântara, no Maranhão, foi confirmado pelo presidente ucraniano Viktor Yushchenko e o presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, em reunião que aconteceu ontem em Kiev, na Ucrânia. A confirmação faz parte de um compromisso assumido pelos dois países em uma declaração conjunta que prevê, além do lançamento do foguete, um acordo de dispensa de vistos para os turistas de dois países e, ainda, a negociação da criação de um vôo comercial direto do Brasil e Ucrânia. Lula classificou o projeto como "extremamente estratégico".

"Eu espero que, como o meu mandato termina no dia 31 de dezembro, à meia-noite de 2010, ainda possa inaugurar o lançamento", disse Lula.

Em entrevista coletiva, Lula admitiu, no entanto, que diversos problemas ambientais e sociais, como a presença de comunidades quilombolas na região, atrasaram parte do cronograma de execução do projeto.

"São descendentes de escravos que moram nessa área, e para que a gente faça qualquer coisa lá, é preciso que a gente faça um acordo com eles, da forma mais democrática", disse.

O presidente ucraniano reafirmou importância para o país europeu de que o cronograma seja cumprido. “Quando dois presidentes se encontram, retiram complicações. Vamos fazer o primeiro lançamento em 2010 e entrar em uma etapa prática”, disse.

Primeira - A previsão é que o lançamento do Cyclone 4 aconteça no segundo semestre de 2010. Será a primeira atividade espacial da empresa binacional Alcântara Cyclone Space (ACS), uma parceria do Brasil e Ucrânia. A empresa funcionará em uma área que hoje pertence ao Centro de Lançamento de Alcântara (CLA). Inicialmente, o foguete seria lançado no primeiro semestre, mas o calendário sofreu modificações diante de impasses com as comunidades quilombolas.

O CLA é a base mais próxima da linha do Equador já construída, o que permite aos foguetes lançados o uso de menos combustível para entrar em órbita e o transporte de cargas maiores, já que contam com as forças centrífugas da Terra.

Em 2003, um acidente em Alcântara matou 21 pessoas e destruiu o Veículo Lançador de Satélites (VLS) três dias antes do programado para seu lançamento.

A tragédia foi provocada pela ignição prematura de um dos motores do foguete que deveria colocar dois satélites em órbita.

CYCLONE-4

O foguete Cyclone-4, que está sendo desenvolvido por engenheiros ucranianos, pertence à família de Cyclone que já chegou ao modelo no estágio três. O novo projeto tem mais capacidade de propelente e um motor capaz de múltiplas ignições e um sistema de controle capaz de inserções orbitais mais precisas. O primeiro vôo será para qualificação do protótipo, para depois a empresa iniciar trabalhos com fins comerciais.

Segundo estatísticas, o modelo ucraniano, na versão Cyclone 3, já realizou cerca de 200 lançamentos, todos bem-sucedidos. Todavia, a Ucrânia não dispõe de condições geográficas para montar os seus sítios de lançamentos e a parceria com o Brasil supre essa necessidade, pois Alcântara tem a melhor localização geográfica para lançamento do mundo, apenas 2° da Linha do Equador, o que se reflete na segurança de lançamento e na economia de 30% de combustível nos lançamentos. Estima-se que a empresa irá realizar cerca de seis lançamentos por ano.


Fonte: Jornal O Estado do Maranhão - 03/12/2009

Comentário: Antes de tudo o blog gostaria de agradecer ao leitor maranhense Edvaldo Coqueiro pela estimável colaboração que vem dando ao blog através do envio dessas matérias do jornal “O Estado do São Maranhão”. Bom leitor, como disse anteriormente, jogo de cena político e nada mais do que isso. Na verdade, aparentemente o Lula foi à Ucrânia somente para acertar o financiamento com os ucranianos dos tais U$ 200 milhões de dólares para que os mesmo possam levar o acordo adiante. O resto que foi divulgado tinha como objetivo disfarçar o objetivo real que era o financiamento, ou seja, enchimento de lingüiça. Os ucranianos conseguiram o que queriam, ou seja, os U$ 200 milhões e tudo continuou como antes no quartel de Abrantes. Enquanto isso a AEB tenta aumentar os recursos da agência, o satélite SGB não tem os recursos que necessita para seu desenvolvimento, o satelite meteorológico nem promessa é, o programa de foguetes do IAE não tem os recursos necessários para o cumprimento de um cronograma mais condizente com as nossas necessidades urgentes, entres outros problemas que afligem o PEB. Só resta dar os parabéns ao presidente Lula e dizer a ele: Lula você é muito legal. (plagiando o presidente ucraniano Viktor Yushchenko).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial