Oportunidades no Setor Espacial em Destaque no MundoGEO Connect e DroneShow 2020

Olá leitor!

Segue abaixo um artigo postado dia (02/03) no site “MundoGEO” destacando que o Setor Espacial será no MundoGEO Connect e DroneShow 2020

Duda Falcão

Home - Notícias - Imagens de Satélite e Aerofotogrametria 

Oportunidades no Setor Espacial em Destaque no MundoGEO Connect e DroneShow 2020

A indústria espacial vai muito além dos veículos lançadores e satélites, e está presente no dia-a-dia da sociedade. 

Por MundoGEO
02/03/20 - 17h16
Atualizado: 02/03/20 - 18h11

Imagem: Pixabay

A indústria espacial está presente no dia-a-dia da sociedade. Ela não é composta apenas pelo veículo lançador e os satélites.

Diversas aplicações são desenvolvidas com bases em tecnologias espaciais, como por exemplo, os sistemas de navegação, a vigilância de frotas, o monitoramento de desastres, o controle e aumento da eficiência da produção, além de aplicativos para viagens e entretenimento.

O Brasil possui uma oportunidade ímpar de se firmar entre os grandes players internacionais no setor espacial. A utilização comercial do Centro Espacial de Alcântara apoiará o desenvolvimento de atividades do segmento espacial, de preferência por instituições privadas, assim como a tendência mundial.

Por sua dimensão geográfica e especializações produtivas, o Brasil gera um imenso rol de oportunidades para o segmento privado atuar e gerar soluções que a sociedade necessita.

A capital paulista receberá, no dia 19 de maio, o evento Oportunidades no Setor Espacial, dentro da programação do MundoGEO Connect e DroneShow 2020, com organização da Agência Espacial Brasileira (AEB)*. São esperados, para este evento, representantes do setor privado, de organizações públicas e empreendedores do setor espacial. 

Tópicos Que Serão Abordados:

Painel 1 – Aplicações Espaciais: como o Setor Espacial está presente no dia-a-dia das pessoas

Painel 2 – Perspectivas futuras para o Programa Espacial Brasileiro: o equilíbrio entre o investimento público e privado

O acesso a este evento é livre para os participantes que adquirirem o ingresso para visitar a feira dos eventos MundoGEO Connect e DroneShow 2020, ou que estiverem inscritos em seminários, fóruns ou cursos.

*A AEB é uma autarquia vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), responsável por formular, coordenar e executar a Política Espacial Brasileira. Desde a sua criação, em 10 de fevereiro de 1994, a Agência trabalha para empreender os esforços do governo brasileiro na promoção da autonomia do setor espacial. 

Soluções Inovadoras para Mercados Verticais 

Estão abertas as inscrições no MundoGEO ConnectDroneShow 2020, que acontece de 19 a 21 de maio no Centro de Convenções Frei Caneca, em São Paulo (SP), com o tema Soluções Inovadoras para Mercados Verticais.

Será um verdadeiro festival de atrações: arenas com apresentações inovadoras; cursos básicos, avançados e práticos; seminários e fóruns temáticos; experimentação de tecnologias 3D; premiação dos melhores projetos; plataforma para agendamento de reuniões. Quem quiser economizar até 50% e ainda ter liberdade de assistir todos os seminários e fóruns pode optar por adquirir um passaporte. Acesse a programação completa e garanta sua vaga!


Em paralelo às atividades acontece a maior feira de Geotecnologias e Drones nas Américas em número de visitantes, onde estarão presentes as principais empresas e marcas do setor. Neste vídeo de apenas 3 minutos você pode conferir um resumo de como foi a última edição do MundoGEO Connect e DroneShow:



Fonte: Site MundoGEO - https://mundogeo.com 

Comentário: Pois é leitor, tá aí a notícia e na verdade da forma como as coisas estão sendo conduzidas no setor espacial pelo Governo Bolsonaro sem coragem de enfrentar as raposas manipuladoras que militam nos bastidores públicos e privados do setor, o nosso ‘Patinho Feio’ continuará afundando em mais uma década perdida, acabou gente. Sinceramente depois da palhaçada de ontem eu desisto, vocês venceram cambada de vermes, e só não desativo o Blog agora, pois diferentemente de vocês sou uma pessoa séria, de princípios, cidadão brasileiro e comprometido com tudo que eu faço em minha vida, mas após cumprir as coberturas de eventos já assumidos por mim, me afastarei desse meio definitivamente, pra mim chega.

Comentários

  1. Respostas
    1. Olá Blog Luiz!

      Infelizmente não posso falar como gostaria, mas o que eu lhe posso dizer é que se as coisas continuarem como estão, o que ainda restou do PEB (idealizados pelos pioneiros) irá desaparecer e ser completamente assimilado pelas empresas estrangeiras, ou então atuar em prol delas. Essa gente não quer um programa espacial, eles querem se beneficiar do erário publico, falta ética, seriedade, competência, brasilidade e compromisso com a Sociedade Brasileira. Pra mim chega.

      Abs

      Duda Falcão
      (Blog Brazilian Space)

      Excluir
    2. O que se pode inferir de sua manifestação e pelo que se vê na notícia é que a AEB, na falta de um projeto de PEB, passa a querer justificar sua existência pegando carona em assuntos importantes, mas que em nada condiz com seu escopo de trabalho. Tenho dito há muito que a AEB deveria ser o INPE, em São José dos Campos, como era a intenção dos pioneiros no setor. Nada justifica a AEB em Brasília; um bando de burocratas que nem levantam abunda da cadeira para ir tomar um cafezinho para espantar o sono. Ficam ali, aquelas marmotas recebendo na mãozinha o cafezinho e água, gentilmente servidos por garçons de gravatinha borboleta e paletó preto, chamando todo mundo de doutor. Olha seu remedinho doutor, está na hora. Mepoupe!

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Janeiro de 2015 Registra Recorde de Focos de Queimadas Detectados Por Satélite

O CLA e Sua Agenda de Lançamentos Até 2022