CPTEC Promove Curso de Calibração de Sensores

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota publicada hoje (25/08) no site do “Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)” destacando que o Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC) do INPE promove “Curso de Calibração de Sensores”.

Duda Falcão

CPTEC/INPE Promove Curso
de Calibração de Sensores

Quinta-feira, 25 de Agosto de 2011

Para capacitar profissionais de metrologia na avaliação do grau de confiabilidade das medições obtidas por instrumentos meteorológicos, o Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC) do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) promove de 29 de agosto a 2 de setembro, em Cachoeira Paulista, o “Curso Prático de Calibração de Sensores Meteorológicos”.

O curso introduz conceitos de metrologia ambiental de acordo com os requisitos da Organização Meteorológica Mundial (WMO, na sigla em inglês) e da Organização Internacional para Padronização (ISSO).

Trata-se da segunda turma do módulo I do curso, realizado antes em abril. As aulas, no prédio da Difusão do Conhecimento e do Laboratório de Instrumentação Meteorológica (LIM) do CPTEC/INPE, serão ministradas pelos metrologistas Cristiano Carvalho, Luiz Fernando Silva, Márcio Santana e Patrícia Guimarães. O curso conta com o apoio da Associação dos Pesquisadores do Experimento de Grande Escala da Biosfera- Atmosfera na Amazônia (APLBA).

Mais informações na página:



Fonte: Site do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)

Comentários

  1. ### Curso Prático de Calibração de Sensores Meteorológicos - Módulo I -
    4a. edição ### Vagas limitadas ###

    Introdução:

    “A Metrologia é uma Ciência obrigatória, hoje, para qualquer área do
    conhecimento humano” e a calibração da instrumentação é ferramenta
    fundamental para assegurar a confiabilidade das medidas obtidas por
    sistemas de coleta de dados ambientais, em conformidade com normas
    técnicas estabelecidas pelos diversos órgãos mundiais de padronização e
    regulamentação. A exatidão das medições realizadas depende diretamente
    da verificação e calibração periódicas dos instrumentos de medição. Por
    outro lado, a rastreabilidade dos padrões utilizados na calibração deve
    ser estabelecida em nível internacional e, atuando em conjunto, permitem
    a comparabilidade das medições realizadas em qualquer parte do mundo.

    Objetivo:

    Introduzir os conceitos da Metrologia Ambiental de acordo com as
    recomendações e requisitos técnico-científicos das áreas de Meteorologia
    (World Meteorological Organization-WMO) e Metrologia (International
    Organization for Standardization- ISO), de forma a capacitar os
    profissionais dessas áreas a avaliar o grau de confiabilidade das
    medições obtidas através da instrumentação meteorológica. Conceitos como
    rastreabilidade, calibração, verificação e estimativa da incerteza de
    medição são indispensáveis para evidenciar a qualidade dos dados da
    pesquisa ambiental.

    Instrutores:

    O curso, ministrado por especialistas do CPTEC/INPE, proporciona a
    disseminação do conhecimento de normas, métodos e procedimentos de
    calibração através de aulas práticas, junto aos sistemas de calibração
    de sensores e medidores de variáveis meteorológicas do Laboratório de
    Instrumentação Meteorológica do CPTEC.

    - Conteúdo programático:
    1. Desvendando os mitos sobre verificação, comparação e calibração.
    2. Por que calibrar?
    3. Recomendações da OMM (Organização Meteorológica Mundial).
    4. Critérios de aceitação da instrumentação.
    5. Seleção de pontos, métodos e normas de calibração.
    6. A rastreabilidade metrológica e os sistemas de calibração.
    7. Procedimentos de calibração e de verificação.
    8.a. Execução da calibração - sensores de pressão atmosférica.
    8.b. Execução da calibração - sensores de temperatura e umidade
    relativa do ar.
    8 c. Execução da calibração - sensores de radiação chuva.
    8 d Execução da calibração - sensores de chuva.
    9. Tratamento estatístico, estimativa da incerteza de medição e
    elaboração de Certificado de Calibração.

    - Local do curso: Prédios do LIM e Difusão do Treinamento do CPTEC/INPE

    - Carga horária: 35 horas. (Certificado emitido para > 80% presença)

    - Público alvo: Profissionais e estudantes das áreas de
    Meteorologia, Instrumentação e Metrologia.

    - Instrutores: Equipe do LIM / Metrologia Ambiental


    *** Instituições que participaram dos cursos (em ordem alfabética):
    APAC, CETREL-LUMINA, CINDACTA III, CNEN, DCTA, DUALBASE TECNOLOGIA,
    EMBRAER, Energética, FCTH, Funceme, Fundação ABC, Fundagro, Furnas,
    Hidromec, Hobeco, Hobeco , IFSC, INFOPER, INPE (CPTEC, CRS, DSR, LAS, LIT),
    Irriplus, Mineral Eng. e Meio Ambiente, Oikos, Olearys Tecnologia e
    Ciencias, PETROBRAS, RENOVA ENERGIA, RoMiotto, SEMA/PA, SOLAR
    Instrumentação, Squitter, UEA, UFBA, UFRN, UFSC, UFSM, UFU, UNIMETRO,
    Unitins, USP, USP, WEA Tecnologia, entre outras. No Peru: SouthernCopper.
    P.S.: - Maiores informações no link :
    http://cursos.cptec.inpe.br/calibracao-sensores-meteorologicos-iv/ ou
    com Cacilda Aravéquia / Difusão do Conhecimento, e-mail:
    cacilda.aravequia@cptec.inpe.br, fone: 12 - 3186-8504.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial